i

O Sua Leitura indica o quanto você está informado sobre um determinado assunto de acordo com a profundidade e contextualização dos conteúdos que você lê. Nosso time de editores credita 20, 40, 60, 80 ou 100 pontos a cada conteúdo – aqueles que mais ajudam na compreensão do momento do país recebem mais pontos. Ao longo do tempo, essa pontuação vai sendo reduzida, já que conteúdos mais novos tendem a ser também mais relevantes na compreensão do noticiário. Assim, a sua pontuação nesse sistema é dinâmica: aumenta quando você lê e diminui quando você deixa de se informar. Neste momento a pontuação está sendo feita somente em conteúdos relacionados ao governo federal.

Fechar
A matéria que você está lendo agora+0
Informação faz parte do exercício da cidadania. Aqui você vê quanto está bem informado sobre o que acontece no governo federal.
Que tal saber mais sobre esse assunto?
olimpíada

Potência do atletismo, Quênia ameaça não participar da Rio-2016 por medo do vírus zika

    • AFP
    • 09/02/2016 15:45
    David Rudisha comemora ouro nos 800 m em Londres-2012: país ameaça não vir ao Rio por causa do surto de vírus zika. | /
    David Rudisha comemora ouro nos 800 m em Londres-2012: país ameaça não vir ao Rio por causa do surto de vírus zika.| Foto: /

    A preocupação com o vírus zika pode levar o Quênia a ficar fora dos Jogos Olímpicos do Rio-2016 . Foi o que deu a entender o presidente do Comitê Olímpico Queniano (NOCK), Kipchoge Keino, nesta terça-feira (9).

    Cortes de orçamento da Rio-2016 preocupam federações internacionais

    Leia a matéria completa

    “Se a situação em relação ao vírus zika for grave, não participaremos dos Jogos. A saúde dos nossos atletas é mais importante do que os Jogos. Mas, se não for tão perigoso assim, iremos para o Rio”,afirmou Kipchoge Keino, em declarações publicadas no jornal The Standard.

    “Vamos aguardar até o último minuto para tomar nossa decisão. Estamos nos baseando nos dados sanitários fornecidos de organizações baseadas no Rio para termos o máximo de informações possíveis”, acrescentou.

    Conhecido por ser o berço dos maiores corredores de fundo do planeta, o Quênia terminou em primeiro lugar do quadro de medalhas do último Mundial de Atletismo, em agosto passado, em Pequim, com sete ouros, seis pratas e três bronzes.O país está na mira da Agência Mundial Antidoping (Wada) por ter tido vários atletas flagrados recentemente por uso de substâncias proibidas.

    Comitê Olímpico dos EUA nega orientação para atletas não competirem na Rio-2016 por causa do zika

    Leia a matéria completa

    Na segunda-feira (8), o Comitê Olímpico dos Estados Unidos (USOC) negou ter orientado os atletas americanos a não participar dos Jogos.

    “As notícias que indicam que o Comitê Olímpico dos Estados Unidos aconselhou seus atletas a reconsiderarem sua participação nas Olimpíadas do Rio, devido ao vírus zika são 100% inexatas”, disse o porta-voz do USOC, Patrick Sandusky.

    Deixe sua opinião
    Use este espaço apenas para a comunicação de erros
    Máximo de 700 caracteres [0]

    Receba Nossas Notícias

    Receba nossas newsletters

    Ao se cadastrar em nossas newsletters, você concorda com os nossos Termos de Uso.

    Receba nossas notícias no celular

    WhatsApp: As regras de privacidade dos grupos são definidas pelo WhatsApp. Ao entrar, seu número pode ser visto por outros integrantes do grupo.

    Comentários [ 0 ]

    O conteúdo do comentário é de responsabilidade do autor da mensagem. Consulte a nossa página de Dúvidas Frequentes e Política de Privacidade.