Maidana manda de cabeça para as redes do Criciúma no gol de empate do Tricolor. | Albari Rosa/Gazeta do Povo
Maidana manda de cabeça para as redes do Criciúma no gol de empate do Tricolor.| Foto: Albari Rosa/Gazeta do Povo

Em um duelo eletrizante, o Paraná venceu o Criciúma por 2 a 1, de virada, nesta sexta-feira (13), e engatou a nona vitória consecutiva em Curitiba, oito na Vila Capanema e uma na Arena. O Tricolor chegou aos 52 pontos depois de 29 rodadas da Série B e ocupa a vice-liderança, que pode ser perdida neste sábado caso o América-MG vença a Luverdense.

A equipe comandada por Matheus Costa também atingiu a maior série invicta como mandante do Brasil. Já são 12 jogos sem derrota no Durival Britto -- mesma marca que ostenta o Cruzeiro no Mineirão, contando jogos apenas do Campeonato Brasileiro. Porém, o Paraná tem a melhor campanha caseira entre os clubes das séries A e B com 84% de aproveitamento (12 vitórias, 2 empates e uma derrota).

VEJA OS DOIS GOLS DO PARANÁ E A EXPLOSÃO DA TORCIDA NA VILA!

TEMPO REAL: Veja os detalhes de Paraná x Criciúma

O Criciúma começou o jogo com tudo e abriu o placar logo aos quatro minutos do primeiro tempo, na cobrança de falta do meia Alex Maranhão. Mas a equipe paranista imprimiu seu ritmo e chegou ao empate aos 16 minutos da etapa inicial na jogada área com o zagueiro Iago Maidana.

Antes do intervalo, o goleiro catarinense, Luiz, foi expulso após pegar a bola com a mão fora da área e receber o segundo amarelo. Mais tarde, o árbitro Igor Benevenuto fez uma lambança ao marcar um pênalti para o Tricolor e, com Renatinho já pronto para bater, voltar atrás.

Com um a mais em campo, o Paraná encurralou o Tigre na etapa final e chegou à virada com o meia João Pedro, aos 14, em bela cobrança de falta no ângulo do goleiro reserva.

“Eu e o Renatinho batemos bem na bola. Mas eu pedi para ele porque ele bate pênalti e na falta era minha chance”, explica João Pedro sobre a ‘discussão’ de quem iria bater a falta no lance do gol. “Eu fico feliz que minha família veio ao estádio e sempre que ela está presente sai um gol. Eles viajaram 600 km lá de Terra Roxa, cidade do interior do Paraná”, comemora o meia.

TABELA: Veja a classificação e os jogos da Série B

O Paraná terá na próxima rodada o confronto direto contra o Ceará, na próxima terça-feira (17), às 20h30, no Castelão.

Craque

João Pedro

O meia esteve em todos os cantos do gramado e foi decisivo: pediu para Renatinho cobrar a falta que garantiu o triunfo na Vila.

Bonde

Igor Junio Benevenuto

O árbitro teve atuação desastrosa. Já no primeiro tempo, ele deixou de marcar um pênalti para o Paraná em cima de Alemão. No segundo tempo, errou ao marcar a penalidade para o Tricolor em cima de Cristovam. Mas o próprio juiz voltou atrás da marcação, corrigiu o erro, mas depois de três minutos.

Guerreiro

Iago Maidana

O zagueiro voltou a balançar as redes de cabeça depois de garantir a vitória sobre o Internacional na última rodada. Foi o quinto tento dele na Série B.

Chave do Jogo

Festa da torcida

Os paranistas lotaram a Vila Capanema, que teve público de 12.594 no total, com renda de R$ 307.402,00 .

Gols

1.º tempo

0 x 1 (4 min) - Alex Maranhão cobrou falta de longe, a bola quicou e o goleiro Douglas falhou no lance.

1 x 1 (16 min) - Renatinho cobrou escanteio na segunda trave e Iago Maidana subiu livre de cabeça para empatar.

2.° tempo

2 x 1 (14 min) - João Pedro cobrou falta com categoria, no ângulo de Edson.

Cartões

Amarelos: Vinicius Kiss e Robson (Paraná); Diego Giaretta, Barreto, Silvinho e Lucão (Criciúma).

Vermelhos: Goleiro Luiz (C), aos 48 minutos do primeiro tempo.

Próximos jogos:

Paraná: Ceará (fora); América-MG (fora); Vila Nova (casa).

Criciúma: Vila Nova (casa); Internacional (casa); Paysandu (fora).

VEJA OS DOIS GOLS DO PARANÁ

Deixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros
Máximo de 700 caracteres [0]