Como você se sentiu com essa matéria?

  • Carregando...

As últimas semanas foram marcadas por uma polarização crescente entre o presidente Jair Bolsonaro e governadores que até bem pouco tempo atrás faziam parte de sua base de apoio. Estão no grupo os governadores do Rio de Janeiro, Wilson Witzel, de Goiás, Ronaldo Caiado, e de São Paulo, João Doria.

Nesta quinta-feira, data em que o podcast está sendo gravado, o governador de São Paulo e o ex-presidente e corrupto condenado Luiz Inácio Lula da Silva trocaram afagos em uma rede social. Lula escreveu que os os governadores estão fazendo o trabalho mais sério nesta crise. Doria respondeu escrevendo que “Temos muitas diferenças. Mas agora não é hora de expor discordâncias. O vírus não escolhe ideologia nem partidos. O momento é de foco, serenidade e trabalho para ajudar a salvar o Brasil e os brasileiros.”

De Bolsodoria, como se intitulou nas eleições de 2018, a Lulodoria em 2020. O que mudou neste período? O que essa aproximação entre antigos inimigos significa? Os colunistas Rodrigo Constantino, Guilherme Fiuza e Paulo Polzonoff Jr. comentam a mudança.

Conteúdo editado por:Jones Rossi
Deixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros
Máximo de 700 caracteres [0]