No dia 1º de maio de 1968 o mundo viu nascer uma nova nação. A República da Ilha das Rosas localizava-se a 11 quilômetros da costa de Rimini, cidade italiana banhada pelo Mar Adriático, e tinha presidente, língua e moedas próprias. Sua área total não passava de 400 metros quadrados. Minúscula no tamanho, provocou imensas dores de cabeça na classe dirigente italiana da época. Preocupados com as implicações legais de um estado autônomo a poucos quilômetros da costa, acessível a qualquer um com um barquinho, e, pior, livre de impostos, o governo italiano não aceitou a existência da República da Ilha das Rosas. Como isso acabou? Vamos falar a respeito neste primeiro episódio da temporada 2021 do podcast/videocast Quarentena Cult.

Deixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros
Máximo de 700 caracteres [0]