Seu app Gazeta do Povo está desatualizado.

ATUALIZAR

PUBLICIDADE
  1. Home
  2. Ler e Pensar
  3. Ler e Pensar contribui com a Educação de Jovens e Adultos

EJA

Ler e Pensar contribui com a Educação de Jovens e Adultos

Professora leva o Ler e Pensar para as turmas de EJA, em um trabalho sobre liberdade e cidadania

  • Instituto GRPCom
 | Instituto GRPCOM
Instituto GRPCOM
 
0 COMENTE! [0]
TOPO

O trabalho apresentado dessa semana foi desenvolvido pela professora Lenice Novaes, no Colégio Estadual Conselheiro Carrão, localizado no bairro do Uberaba, em Curitiba. A prática é especial por uma série de motivos: foi desenvolvida em turmas de Educação de Jovens e Adultos (EJA) correspondentes ao Ensino Fundamental e Ensino Médio; aproveita os saberes prévios dos alunos para passar uma mensagem também para os estudantes do Ensino Regular; representa um ideal de ensino democrático, focado não somente nos conteúdos de Língua Portuguesa, mas também no exercício da cidadania; e, por fim, representa, mais um fruto colhido pelo Ler e Pensar no ano de 2017.

O projeto da professora teve início após a leitura de uma reportagem da Gazeta do Povo intitulada “A incrível história da garota que não conseguia provar que existia”, publicada no dia 11 de abril deste ano e escrita pelo colunista Rogério Galindo, para o blog Caixa Zero. 

“A história de Alexia proporcionou uma reflexão, debate e conscientização sobre a relevância da liberdade”, contou Lenice. A partir daí, o trabalho intitulado “A virtude está no meio” desenrolou-se durante 10 aulas. Neste período, professora e estudantes debateram em sala sobre o contexto de liberdade, sua importância para a vida humana e o sentido do jargão “liberdade com responsabilidade”. 

Durante as aulas, a turma intercalou produção textual, argumentação, leitura de textos jornalísticos, apreciação do filme “Escritores da Liberdade”, do diretor estadunidense Richard LaGravenese, e leitura de poemas relacionados ao tema – tudo isso feito com o auxílio de recursos tecnológicos, bem ao encontro da proposta do Ler e Pensar. 

Formadores de opinião 

Tanto trabalho e dedicação de Lenice e seus alunos lhes renderam diversas publicações no jornal do bairro. Neste periódico, os estudantes atuaram como colunistas e analisaram reportagens de grande repercussão midiática veiculadas em diversos jornais do Brasil, dentre os quais, claro, a Gazeta do Povo. Além disso, as atividades resultaram em uma série de painéis espalhados pelos corredores da escola relatando situações de conflito que podem ser resolvidas ao aplicar-se o bom senso. 

A parceria entre a docente e o projeto Ler e Pensar se estendeu também para toda a comunidade escolar. O projeto Escola de Pais, desenvolvido pelo colégio desde 2014, no seu 2º encontro do ano, em 25 de maio, abordou o uso seguro das mídias sociais, discutindo a questão do anonimato, da liberdade de expressão, do respeito à dignidade e à privacidade, tudo em sinergia com o projeto Ler e Pensar – aprendizagem significativa na vida de crianças, jovens e adultos.

8 recomendações para você

deixe sua opinião

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE