Como você se sentiu com essa matéria?

  • Carregando...

Ao menos 20 pessoas morreram na explosão de uma moto-bomba na cidade iraquiana de Kerbala, destino de milhares de peregrinos muçulmanos xiitas. O ataque foi o terceiro da semana e deixou ainda 90 feridos.

Segundo fontes policiais, uma motocicleta carregada de explosivos foi detonada perto de um instituto politécnico quando vá­­rios fiéis chegavam à cidade a pé para a realização de um ritual religioso.

Entre as vítimas, há mulheres, crianças e idosos. As autoridades dizem que o número de mortos pode aumentar devido ao estado grave de alguns dos feridos.

A explosão aconteceu no co­­meço da manhã, apesar de todo o esquema de segurança que o Exér­­cito e a polícia iraquianos montaram na cidade e nas estradas para proteger os xiitas.

Na hora, além dos peregrinos que chegavam à Kerbala, várias pessoas trabalhavam nos preparativos do Arbain, festividade que vai ser celebrada na noite de hoje.

Amanhã, eles celebrarão o 40.º dia da morte de Hussein, ne­­to de Maomé e filho de Ali, morto no ano 680 pelas tropas do califa Yazid em uma batalha no deserto de Kerbala. Segundo a tradição, os fiéis viajam a pé até a cidade e se flagelam.

Deixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros
Máximo de 700 caracteres [0]