Como você se sentiu com essa matéria?

  • Carregando...

O ex-premiê italiano Silvio Berlusconi adiou para esta quarta-feira um anúncio que provavelmente interromperá manobras capazes de derrubar o governo, afirmaram fontes políticas.

Berlusconi, magnata da mídia recentemente condenado por fraude tributária, faria nesta terça-feira uma declaração em vídeo sobre a ressurreição do seu partido original de centro-direita, o Forza Italia, com o qual ele entrou na política, em 1994.

Fontes políticas dizem que Berlusconi, de 76 anos, provavelmente recuará da posição das últimas semanas, quando ameaçava derrubar a coalizão liderada pelo centro-esquerdista Enrico Letta se ele for cassado do Senado por causa da condenação judicial.

Angelino Alfano, secretário nacional do atual partido de Berlusconi, o Povo da Liberdade, disse que seu líder se reunirá na noite de quarta-feira ou na quinta com ministros do partido, e só então tomará uma decisão sobre retirar ou não o apoio ao governo.

Falando à TV estatal, Alfano, que é também vice-premiê, disse acreditar que Berlusconi irá "anunciar o renascimento de um grande movimento político, que teve um impacto positivo na nossa história política".

Fontes do PDL, que substituiu o Forza Italia em 2008, disse que a mensagem pré-gravada será transmitida na quarta-feira, logo antes de uma votação preliminar sobre o destino de Berlusconi em uma comissão do Senado.

Deixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros
Máximo de 700 caracteres [0]