• 26/04/2020 20:13
Coronavírus

Itália iniciará relaxamento da quarentena em 4 de maio

  • 26/04/2020 20:13
    • Estadão Conteúdo
    A torre Pirelli, em Milão (Itália), com a inscrição "fique em casa" por causa do coronavírus: país lançou pacote 25 bilhões de euros com medidas para fortalecer o sistema de saúde e a Defesa Civil, além de ajudas para famílias, empresas, trabalhadores e autônomos.
    A torre Pirelli, em Milão (Itália), com a inscrição “fique em casa” por causa do coronavírus: país lançou pacote 25 bilhões de euros com medidas para fortalecer o sistema de saúde e a Defesa Civil, além de ajudas para famílias, empresas, trabalhadores e autônomos.| Foto: Miguel Medina/AFP

    O primeiro-ministro da Itália, Giuseppe Conte, anunciou que o processo de relaxamento das medidas de distanciamento social no país começará em 4 de maio, com início da "fase 2" do combate ao coronavírus. A partir da data, restaurantes poderão reabrir, mas os clientes não poderão consumir nos locais. Parques públicos também serão reabertos e funerais voltarão a ser permitidos, desde que não reúnam mais de 15 pessoas. Viagens para outras regiões do país continuarão proibidas. Em 18 de maio, empresas do setor de varejo, exposições e museus retomarão as atividades e equipes profissionais de esporte voltarão a treinar. Já restaurantes, bares e salões de beleza serão autorizados a voltar a operar completamente em 1º de junho. As escolas, por sua vez, só retornarão em setembro.

    Tudo sobre:

    Comentários [ 0 ]

    O conteúdo do comentário é de responsabilidade do autor da mensagem. Consulte a nossa página de Dúvidas Frequentes e Política de Privacidade.