• 09/04/2020 17:56
América do Sul

Quem espalhar notícias falsas sobre coronavírus no Peru pode ser preso

  • 09/04/2020 17:56
  • PorGazeta do Povo
    Ruas vazias em Lima, capital do Peru, durante isolamento social obrigatório para combate ao coronavírus, 9 de abril de 2020
    Ruas vazias em Lima, capital do Peru, durante isolamento social obrigatório para combate ao coronavírus, 9 de abril de 2020| Foto: Ministério do Interior do Peru / AFP

    O governo do Peru comunicou, na quarta-feira (8), que quem promover ou difundir notícias consideradas falsas que busquem gerar pânico em meio à pandemia do novo coronavírus poderá ser condenado com pena de três a seis anos de prisão.

    "Quem desinformar os cidadãos com notícias falsas para obter benefícios ou perturbar a tranquilidade pública será condenado com pena privativa de liberdade", afirmou o Ministério de Justiça e Direitos Humanos do país pelo Twitter. "Compartilhe apenas informação oficial da Covid-19, não difunda fake news".

    Até esta quinta-feira, o Peru registrou 5.256 casos confirmados e 138 mortes por Covid-19; 3.680 pessoas já se recuperaram.

    Tudo sobre:

    Comentários [ 0 ]

    O conteúdo do comentário é de responsabilidade do autor da mensagem. Consulte a nossa página de Dúvidas Frequentes e Política de Privacidade.