• 21/01/2021 17:25
Redes sociais

Twitter suspende contas da embaixada da China nos EUA e da Assembleia da Venezuela

  • 21/01/2021 17:25
  • PorGazeta do Povo
    O Twitter bloqueou as contas da embaixada da China nos EUA e da Assembleia Nacional venezuelana ligada a Maduro, por violações de regras
    O Twitter bloqueou as contas da embaixada da China nos EUA e da Assembleia Nacional venezuelana ligada a Maduro, por violações de regras| Foto: Olivier DOULIERY / AFP

    O Twitter suspendeu temporariamente a conta da embaixada da China nos EUA, dizendo que o perfil violou sua política contra "desumanização" de pessoas em uma postagem que fala sobre as ações da China em relação aos uigures, minoria étnica que é perseguida no país asiático. A conta @ChineseEmbinUS já está no ao ar novamente na tarde desta quinta-feira (21).

    Há duas semanas, uma publicação no Twitter da embaixada chinesa nos EUA disse que as mulheres uigures teriam deixado de ser "fábricas de bebês" porque foram "emancipadas" após passar por processo de reeducação. A mensagem buscava defender a China das acusações de que o país promove limpeza étnica.

    O perfil da nova Assembleia Nacional da Venezuela, que foi retomada por aliados do ditador Nicolás Maduro em eleições consideradas fraudulentas pela oposição e grande parte da comunidade internacional, também foi bloqueado pelo Twitter.

    A rede social disse que a conta @LaNuevaAsamblea violou suas regras, mas não deu mais detalhes. A conta @AsambleaVE, do parlamento comandado pelo líder da oposição, Juan Guaidó, continua ativa no Twitter.

    Tudo sobre:

    Comentários [ 0 ]

    O conteúdo do comentário é de responsabilidade do autor da mensagem. Consulte a nossa página de Dúvidas Frequentes e Política de Privacidade.