i

O Sua Leitura indica o quanto você está informado sobre um determinado assunto de acordo com a profundidade e contextualização dos conteúdos que você lê. Nosso time de editores credita 20, 40, 60, 80 ou 100 pontos a cada conteúdo – aqueles que mais ajudam na compreensão do momento do país recebem mais pontos. Ao longo do tempo, essa pontuação vai sendo reduzida, já que conteúdos mais novos tendem a ser também mais relevantes na compreensão do noticiário. Assim, a sua pontuação nesse sistema é dinâmica: aumenta quando você lê e diminui quando você deixa de se informar. Neste momento a pontuação está sendo feita somente em conteúdos relacionados ao governo federal.

Fechar
A matéria que você está lendo agora+0
Informação faz parte do exercício da cidadania. Aqui você vê quanto está bem informado sobre o que acontece no governo federal.
Que tal saber mais sobre esse assunto?
Espaço

China quer pousar sonda na lua em 2013

Em 2007, a China lançou sua primeira sonda lunar orbital, a Chang'e 1, cujo nome alude a uma deusa da lua

  • PorReuters
  • 30/07/2012 12:25

A China pretende realizar em 2013 o pouso da sua primeira sonda na lua, disse a imprensa estatal na segunda-feira, em mais um passo de um ambicioso programa espacial que inclui também a construção de uma estação orbital.

Em 2007, a China lançou sua primeira sonda lunar orbital, a Chang'e 1, cujo nome alude a uma deusa da lua. Esse equipamento recolheu imagens da superfície e analisou a distribuição de elementos.

Esse lançamento marcou o primeiro de três passos no programa lunar chinês. Em seguida virão uma missão não-tripulada ao satélite, e em seguida a coleta de amostras do solo e das pedras lunares, por volta de 2017.

A agência estatal China News Service disse, sem entrar em detalhes, que a sonda Chang'e 3 irá realizar pesquisas sobre a superfície lunar no ano que vem.

Cientistas chineses também cogitam a hipótese de levar uma tripulação à lua após 2020.

O programa espacial da China ainda está muito atrás dos EUA e da Rússia, mas no mês passado o país encerrou um voo tripulado, da nave Shenzhou 9, que levou a primeira mulher chinesa ao espaço, além de testar métodos de atracação que serão importantes na futura estação espacial.

Deixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros
Máximo de 700 caracteres [0]

Receba Nossas Notícias

Receba nossas newsletters

Ao se cadastrar em nossas newsletters, você concorda com os nossos Termos de Uso.

Receba nossas notícias no celular

WhatsApp: As regras de privacidade dos grupos são definidas pelo WhatsApp. Ao entrar, seu número pode ser visto por outros integrantes do grupo.

Comentários [ 0 ]

O conteúdo do comentário é de responsabilidade do autor da mensagem. Consulte a nossa página de Dúvidas Frequentes e Política de Privacidade.