i

O Sua Leitura indica o quanto você está informado sobre um determinado assunto de acordo com a profundidade e contextualização dos conteúdos que você lê. Nosso time de editores credita 20, 40, 60, 80 ou 100 pontos a cada conteúdo – aqueles que mais ajudam na compreensão do momento do país recebem mais pontos. Ao longo do tempo, essa pontuação vai sendo reduzida, já que conteúdos mais novos tendem a ser também mais relevantes na compreensão do noticiário. Assim, a sua pontuação nesse sistema é dinâmica: aumenta quando você lê e diminui quando você deixa de se informar. Neste momento a pontuação está sendo feita somente em conteúdos relacionados ao governo federal.

Fechar
A matéria que você está lendo agora+0
Informação faz parte do exercício da cidadania. Aqui você vê quanto está bem informado sobre o que acontece no governo federal.
Que tal saber mais sobre esse assunto?
Inundação

Cidade do sul do Paquistão é invadida pela enchente

  • PorAgência Estado
  • 29/08/2010 08:40

A cidade de Sujawal, no sul do Paquistão foi inundada neste domingo. As autoridades lutam para construir, com argila e pedras, um novo dique na região. Quase todos os 250 mil moradores de Sujawal deixaram a cidade antes da chegada das águas, mas os danos às casas, clínicas médicas e escolas se somam à grande devastação que as enchentes têm causado em todo o país, disse Hadi Baksh, gestor de situações de emergência da província de Sindh, no sul.

As águas que atingiram Sujawal neste domingo chegaram à cidade após destruírem um dique do rio Indo dois dias antes. A cidade fica a cerca de 150 quilômetros a sudeste de Karachi, a capital de Sindh, e a 25 quilômetros a sudeste de Thatta, uma cidade histórica com cerca de 350 mil habitantes, que em sua maioria foram para locais mais altos. Thatta é a base de operações das autoridades locais que tentam enfrentar o desastre.

As autoridades se apressaram em construir diques improvisados ao longo da estrada que liga Sujawal a Thatta, partes da qual já foram inundadas, disse Baksh. "Estamos tentando obstruir as pontes em três pontos diferentes para impedir que a água vá na direção de Thatta", declarou Baksh. "Estamos fazendo tudo o que podemos."

As enchentes tiveram início no montanhoso noroeste do Paquistão, cerca de um mês atrás, com o início das chuvas de monções e têm se dirigido lentamente para a região costeira, ao sul, inundando vastas áreas de cultura agrícola e danificando ou destruindo cerca de 1 milhão de casas. Mais de 8 milhões de pessoas precisam de assistência emergencial no país.

As autoridades de Sujawal tentam limitar os danos, mas o nível da água já subiu 1,5 metro no centro da cidade e 3 metros nas vilas próximas, disse Anwarul Haq, funcionário da administração de Sujawal. As informações são da Associated Press.

Deixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros
Máximo de 700 caracteres [0]

Receba Nossas Notícias

Receba nossas newsletters

Ao se cadastrar em nossas newsletters, você concorda com os nossos Termos de Uso.

Receba nossas notícias no celular

WhatsApp: As regras de privacidade dos grupos são definidas pelo WhatsApp. Ao entrar, seu número pode ser visto por outros integrantes do grupo.

Comentários [ 0 ]

O conteúdo do comentário é de responsabilidade do autor da mensagem. Consulte a nossa página de Dúvidas Frequentes e Política de Privacidade.