i

O Sua Leitura indica o quanto você está informado sobre um determinado assunto de acordo com a profundidade e contextualização dos conteúdos que você lê. Nosso time de editores credita 20, 40, 60, 80 ou 100 pontos a cada conteúdo – aqueles que mais ajudam na compreensão do momento do país recebem mais pontos. Ao longo do tempo, essa pontuação vai sendo reduzida, já que conteúdos mais novos tendem a ser também mais relevantes na compreensão do noticiário. Assim, a sua pontuação nesse sistema é dinâmica: aumenta quando você lê e diminui quando você deixa de se informar. Neste momento a pontuação está sendo feita somente em conteúdos relacionados ao governo federal.

Fechar
A matéria que você está lendo agora+0
Informação faz parte do exercício da cidadania. Aqui você vê quanto está bem informado sobre o que acontece no governo federal.
Que tal saber mais sobre esse assunto?
Pandemia

Covid: tendência de alta de casos diários preocupa autoridades de EUA e Europa

    • Estadão Conteúdo
    • 10/11/2020 16:45
    Enfermeira esperar para examinar paciente infectado com Covid-19 em hospital nos arredores de Paris.
    Enfermeira esperar para examinar paciente infectado com Covid-19 em hospital nos arredores de Paris.| Foto: AFP

    Os Estados Unidos registraram na segunda-feira (9) mais de 100 mil novos casos de Covid-19 em apenas 24 horas. Trata-se do sétimo dia seguido em que o país atinge essa marca, de acordo com dados da Universidade Johns Hopkins. A tendência de aumento no número de infecções diárias preocupa também nações europeias, como Itália e Suécia.

    Só ontem, os EUA contabilizaram 111.433 novos casos e 590 mortes. Enquanto isso, relata o jornal The Guardian, o país bateu o recorde de 59 mil hospitalizados pela doença até o primeiro dia dessa semana. A Dakota do Sul é o estado americano com o maior índice de internações. Já na Califórnia, as infecções atingiram o maior grau dos últimos meses, com um crescimento de 28% no nível de internações ao longo de duas semanas.

    Confira: As últimas notícias sobre a pandemia de Covid-19 no Brasil e no mundo

    Em Nova York, o primeiro epicentro da doença no país, o prefeito Bill de Blasio reportou o aumento de casos e afirmou que a cidade "tem uma última chance de impedir a segunda onda". Até o momento, os EUA somam 10.110.552 infecções e 238.251 óbitos em decorrência da Covid-19.

    O cenário é o mesmo em alguns países europeus. A Itália, por exemplo, registrou 35.098 novos casos e 580 mortes por coronavírus nesta terça-feira (10), informou o Ministério da Saúde italiano. Para conter o avanço, o país tem anunciado medidas restritivas mais duras para diferentes regiões.

    O governo italiano tem sido pressionado para impor um novo lockdown nacional. A decisão final sobre o assunto deve ser anunciada em 15 de novembro, informa o Guardian. A Itália contabiliza um total de 995.463 casos e 42.330 mortes desde o início da pandemia, de acordo com dados oficiais do governo.

    Ainda na Europa, a Noruega determinou, nesta terça-feira (10), que as forças nacionais patrulhem sua fronteira terrestre com a Suécia, já que o país vizinho relata aumento no número de casos. 162.240 pessoas já foram infectadas pelo coronavírus na Suécia. Apesar de menor do que em outras nações maiores, como Espanha e Reino Unido, a taxa de mortalidade per capita na Suécia é mais de 10 vezes maior do que na Noruega.

    1 COMENTÁRIOSDeixe sua opinião
    Use este espaço apenas para a comunicação de erros
    Máximo de 700 caracteres [0]

    Receba Nossas Notícias

    Receba nossas newsletters

    Ao se cadastrar em nossas newsletters, você concorda com os nossos Termos de Uso.

    Receba nossas notícias no celular

    WhatsApp: As regras de privacidade dos grupos são definidas pelo WhatsApp. Ao entrar, seu número pode ser visto por outros integrantes do grupo.

    Comentários [ 1 ]

    O conteúdo do comentário é de responsabilidade do autor da mensagem. Consulte a nossa página de Dúvidas Frequentes e Política de Privacidade.

    • F

      Freitas

      ± 0 minutos

      Enquanto isto, nosso Presidente...

      Denunciar abuso

      A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

      Qual é o problema nesse comentário?

      Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

      Confira os Termos de Uso