Como você se sentiu com essa matéria?

  • Carregando...
 |
| Foto:

21 pessoas morreram e 44 foram infectadas pelo vírus ebola em apenas 2 dias, segundo dados da Organização Mundial da Saúde, apurados na região da África Ocidental.

O surto de ebola que atinge a África Ocidental causou 21 mortes e infectou outras 44 pessoas nos últimos dois dias, segundo a última apuração realizada pela Organização Mundial da Saúde (OMS) e divulgada ontem.

INFOGRÁFICO: Conheça o vírus Ebola

A situação é mais preocupante na Libéria e em Serra Leoa. O primeiro país registrou 32 novos casos e 15 mortes, enquanto o segundo teve 11 novas infecções e 4 mortes. Já na Guiné apenas um novo caso foi detectado, mas outros dois infectados morreram.

"Na Guiné, a tendência da epidemia evidencia uma redução da transmissão viral na comunidade, com apenas um caso registrado nos últimos dias", disse a OMS em comunicado.

Os três países, juntos, têm um histórico de 888 casos de contágio e 539 mortes. Destes, 409 casos e 309 mortos foram na Guiné, 142 infecções e 88 mortes na Libéria e 337 casos e 142 mortos em Serra Leoa.

Foi criado um Centro de Coordenação Epidêmico em Conacri, a capital da Guiné, para coordenar o apoio técnico oferecido aos países afetados e a prevenção nas nações vizinhas.

A OMS ativou a Global A­­lert and Reponse Network, uma rede formada por agências internacionais, governos, universidades e outras entidades, e solicitou especialistas de diversas áreas que possam viajar aos três países para tentar conter o surto da doença.

Essa é a primeira vez que uma epidemia de ebola é identificada e confirmada na África Ocidental. Surtos anteriores ocorreram sempre na África Central.

Deixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros
Máximo de 700 caracteres [0]