Como você se sentiu com essa matéria?

  • Carregando...
 | Reprodução KERA News
| Foto: Reprodução KERA News

Assim como outros milhares de conterrâneos, Lindsay Diaz foi bastante afetada pelos tornados que atingiram as regiões sul, sudeste e centro-oeste dos Estados Unidos no último feriado prolongado de Natal. Residente da cidade de Rowlett, no estado do Texas, a americana precisou se esconder do fenômeno, junto de seu bebê, na banheira, enquanto parte da casa onde moravam era destruída.

Na última semana, após mais de dois meses lidando com questões burocráticas, como seguro e permissões para construir, Lindsay decidiu que iniciaria uma reforma em seu sobrado. A decisão trouxe alívio, mas que durou muito pouco. Enquanto voltava do trabalho em uma tarde, recebeu a ligação de uma vizinha que, aos prantos, contou-lhe que uma empresa havia demolido a casa de Lindsay.

Ao chegar ao local, Lindsay descobriu que sua casa fora colocada abaixo por engano. O destino da companhia Billy L. Nabors Demolition era outro, mas uma confusão por parte dos operários (e uma pegadinha nada engraçada do destino) os levou à construção errada.

“Nós poderíamos retornar para casa ao final do verão [com a reforma], mas, de repente, é como se o tornado tivesse voltado e nos tirado tudo”, afirmou Lindsay ao site KERA News. Os responsáveis pela demolição não foram localizados para comentar o caso.

Colaborou: Mariana Balan.

Deixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros
Máximo de 700 caracteres [0]