Como você se sentiu com essa matéria?

  • Carregando...

Após duras negociações, o Irã comemorou a assinatura de um acordo nuclear prévio com as potências do P5+1. As ruas de Teerã ganharam uma festa, enquanto o chanceler Javad Zarif foi recebido como herói. Em um discurso, o presidente Hassan Rouhani considerou o dia do acordo um momento histórico para o país. Para ele, os avanços marcam uma nova etapa de busca por cooperação global. “Uma das promessas que o governo deu ao povo é o funcionamento das centrífugas, e o P5+1 considerou que o Irã tinha seu direito de enriquecimento, por ser com fins pacíficos. O mundo reconhece hoje que temos este objetivo. Uma interação construtiva global e a suspensão das sanções financeiros e políticas também estão garantidas “, declarou Rouhani. “Nosso passo principal é buscar segurança, desenvolvimento e avanços. Mostramos que podemos cooperar com o mundo. Até o final de junho, tomaremos o terceiro passo para finalizar. O quarto passo será implementar os termos do acordo. Se os outros países implementarem suas promessas, também implantaremos as nossas”.

Rouhani agradeceu os esforços de Zarif e da paciência dos negociadores e do líder supremo, o aiatolá Ali Khamenei (“indispensável”). Ele ainda se disse otimista para um novo avanço em junho. “Podemos ver o quanto avançamos. Foram meses de esforços, e isto foi conquistado através das negociações e da confiança. Nossa atitude é de que, neste mundo, todos devem se pautar pelo respeito mútuo e objetivos em comum. Não há bases para as afirmações de que as sanções nos pautaram nas negociações. Não é questão de se entregar, fica claro. O governo está comprometido com a ideia de que a colaboração internacional em busca de uma prosperidade econômica é fundamental para nosso bem-estar”.

Quinta e sexta-feira foram dias de festa em Teerã. Após cidadãos iranianos tirarem fotos com a transmissão inédita do discurso de Barack Obama, milhares saíram às ruas, fazendo buzinaços e exibindo bandeiras do país. Zarif foi recebido por uma carreata em Teerã, e acenou para o público por quilômetros.

Deixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros
Máximo de 700 caracteres [0]