i

O Sua Leitura indica o quanto você está informado sobre um determinado assunto de acordo com a profundidade e contextualização dos conteúdos que você lê. Nosso time de editores credita 20, 40, 60, 80 ou 100 pontos a cada conteúdo – aqueles que mais ajudam na compreensão do momento do país recebem mais pontos. Ao longo do tempo, essa pontuação vai sendo reduzida, já que conteúdos mais novos tendem a ser também mais relevantes na compreensão do noticiário. Assim, a sua pontuação nesse sistema é dinâmica: aumenta quando você lê e diminui quando você deixa de se informar. Neste momento a pontuação está sendo feita somente em conteúdos relacionados ao governo federal.

Fechar
A matéria que você está lendo agora+0
Informação faz parte do exercício da cidadania. Aqui você vê quanto está bem informado sobre o que acontece no governo federal.
Que tal saber mais sobre esse assunto?
Novo ataque?

Israel vai interceptar navio a caminho de Gaza, diz ministro

País enfrenta um protesto internacional por sua última operação naval. Nove ativistas foram mortos em um navio de bandeira turca

  • PorReuters
  • 04/06/2010 12:24
"Vamos parar o barco, e também qualquer outro barco que tente ferir a soberania israelense. Não há chance de que Rachel Corrie chegue à costa de Gaza", disse o chanceler israelense Avigdor Lieberman | Maya Hitij / Pool / Reuters
"Vamos parar o barco, e também qualquer outro barco que tente ferir a soberania israelense. Não há chance de que Rachel Corrie chegue à costa de Gaza", disse o chanceler israelense Avigdor Lieberman| Foto: Maya Hitij / Pool / Reuters

Israel vai impedir que um novo barco tente chegar à Faixa de Gaza, provavelmente neste sábado (5), disse o chanceler Avigdor Lieberman nesta sexta-feira.

O país está sob fortes críticas internacionais devido à ação militar de segunda-feira, que resultou na morte de nove integrantes de uma frota naval que tentava chegar à Faixa de Gaza para entregar mantimentos, furando assim o bloqueio israelense ao território palestino governado pelo grupo islâmico Hamas.

Agora, uma embarcação irlandesa chamada Rachel Corrie - em homenagem a uma ativista norte-americana morta em 2003 na Faixa de Gaza - prepara a mesma operação. Mas Lieberman disse que Israel manterá rigidamente o bloqueio.

"Vamos parar o barco, e também qualquer outro barco que tente ferir a soberania israelense. Não há chance de que o Rachel Corrie chegue à costa de Gaza", disse ele ao Canal 1 da TV local.

Um dos ativistas, o ex-secretário-geral-assistente da Organização das Nações Unidas (ONU), Denis Halliday, disse que o barco pretende chegar à região durante a noite desta sexta-feira, esperando o raiar do dia para se aproximar da costa.

Em Dublin, o ministro das Relações Exteriores irlandês, Micheal Martin, disse em comunicado que "aqueles a bordo do Rachel Corrie indicaram que estão prontos para aceitar uma inspeção de sua carga, antes de atracar em Gaza".

Lieberman afirmou que esteve em contato com Martin e disse: "Esclarecemos (...) aos irlandeses e aos demais que nenhum barco chegará a Gaza sem verificações de segurança, sem verificações de carga, sem saber ao certo (o que há a bordo)", acrescentou.

Deixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros
Máximo de 700 caracteres [0]

Receba Nossas Notícias

Receba nossas newsletters

Ao se cadastrar em nossas newsletters, você concorda com os nossos Termos de Uso.

Receba nossas notícias no celular

WhatsApp: As regras de privacidade dos grupos são definidas pelo WhatsApp. Ao entrar, seu número pode ser visto por outros integrantes do grupo.

Comentários [ 0 ]

O conteúdo do comentário é de responsabilidade do autor da mensagem. Consulte a nossa página de Dúvidas Frequentes e Política de Privacidade.