Detalhe da garrafa de whisky que foi vendida pelo equivalente a R$ 110 mil | Reprodução
Detalhe da garrafa de whisky que foi vendida pelo equivalente a R$ 110 mil| Foto: Reprodução

O jornal britânico "News of the World" informou neste domingo que há um novo suspeito do desaparecimento de Madeleine McCann, a menina de 4 anos que desapareceu na Praia da Luz, em Portugal, no dia 3 de maio. De acordo com o periódico, uma ex-funcionária do hotel em que os McCann passavam férias, em seria a nova suspeita. A mulher, de acordo com o jornal, teria sido despedida e quis se vingar seqüestrando a menina.

A pista que levou à nova suspeita veio de forma diferente das outras: ela teria sido dada por um e-mail enviado ao site oficial do príncipe Charles. Segundo o "News of the World", a pessoa anônima que fez a denúncia enviou a mensagem ao herdeiro do trono britânico porque tanto o príncipe como sua mulher, Camila Parker, se mostraram interessados desde o início do caso.

Relembre as reportagens sobre o desaparecimento de Madeleine

De acordo com o jornal, a Scotland Yard (polícia de Londres) foi imeditamente avisada e os detetives comprovaram que o nome da empregada demitida estava correto.

Este fim de semana, os pais de Madeleine vão lançar em Portugal uma campanha com anúncios por TV e um pedido desesperado para encontrar sua filha.

A campanha de Kate e Gerry McCaan se estenderá também à Espanha, onde serão colocados cartazes com a foto da pequena em supermercado e outros estabelecimentos, informou o "The Observer".

No sábado (29/9), o jornal britânico "Daily Mail" informou que um barqueiro misterioso foi visto chutando e jogando um objeto para o mar no meio da noite dois dias após o desaparecimento de Madeleine. A babá Charlotte Pennington disse que viu o homem num pequeno barco próximo da Praia da Luz, às 23h30. Segundo ela, o barqueiro chutava para o mar um objeto que estava guardado dentro do barco.

Quando a mulher chegou mais perto para descobrir o que ele estava fazendo, o homem se apressou e desapareceu. A polícia está investigando a história contada pela babá, que já foi interrogada duas vezes.

Deixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros
Máximo de 700 caracteres [0]