Como você se sentiu com essa matéria?

  • Carregando...
  • Ícone FelizÍcone InspiradoÍcone SurpresoÍcone IndiferenteÍcone TristeÍcone Indignado
O governador da Califórnia, Gavin Newsom: nova lei proíbe cortadores de grama e sopradores de folhas movidos a gasolina
O governador da Califórnia, Gavin Newsom: nova lei proíbe cortadores de grama e sopradores de folhas movidos a gasolina| Foto: EFE/EPA/CAROLINE BREHMAN

Um estudo recente feito pelo think tank libertário Cato Institute posicionou a Califórnia em 48º lugar entre os 50 estados americanos em liberdade pessoal e econômica.

O estudo também analisou políticas fiscais e regulatórias. Pela primeira vez, a população da Califórnia diminuiu no ano passado, resultando na perda de uma cadeira no Congresso americano. No terceiro trimestre deste ano, em média 150 mil pessoas a mais deixaram o estado, contra 60 mil saídas líquidas no primeiro trimestre do ano passado.

Entre março de 2020 e setembro de 2021, houve uma redução de 38% no número de pessoas que se mudaram para o estado. A Califórnia é dividida em 58 condados, e as chegadas diminuíram em todos eles.

Quanto à perda de liberdade pessoal e econômica, considere os exemplos a seguir. Neste final de 2021, uma empresa de capital aberto com sede na Califórnia deve ter entre uma e três mulheres no seu conselho administrativo, dependendo do tamanho do empreendimento, ou deverá pagar multa de US$ 100 mil.

Os autores da proposta insistem que a participação feminina nos conselhos de administração aumenta os lucros. Sendo assim, é de se perguntar por que as empresas simplesmente não dispensam os integrantes masculinos das suas administrações em favor de um conselho composto apenas por mulheres.

O Departamento de Educação da Califórnia propôs um novo padrão de “matemática equitativa”. A California Political Review afirma que a estrutura “promove o conceito de que trabalhar para descobrir uma resposta correta é um exemplo de racismo e da supremacia branca invadindo a sala de aula”.

A partir de 1º de janeiro de 2022, a nova lei do bacon da Califórnia entra em vigor. De acordo com a Associated Press: “Simplificando, a lei exige que porcos reprodutores, galinhas poedeiras e bezerros de vitela tenham espaço suficiente para ficar de pé e se virar. Para porcos, isso significa que eles não podem mais ser mantidos em ‘caixas de gestação’ estreitas e devem ter 24 pés quadrados de espaço útil (2,2 metros quadrados)”. Os produtores preveem escassez e produtos mais caros de bacon e carne de porco.

Em outubro, o governador da Califórnia, Gavin Newsom, continuando sua luta contra as “mudanças climáticas”, assinou uma lei para eliminar do estado cortadores de grama e sopradores de folhas movidos a gasolina. Não importa que um porta-voz da Associação Nacional de Profissionais de Paisagismo tenha dito que uma equipe de paisagismo de três pessoas precisará levar de 30 a 40 baterias totalmente carregadas para manter os equipamentos funcionando durante um dia inteiro de trabalho.

“Essas empresas”, disse o porta-voz, “terão que reformar completamente todas as suas instalações para serem capazes de lidar com essa enorme mudança na voltagem, já que (as baterias) terão que ser carregadas todos os dias”.

Além disso, há uma nova lei que exige que grandes lojas de brinquedos criem seções de brinquedos “neutros em termos de gênero”. Evan Low, deputado democrata da Califórnia coautor do projeto, afirmou: “Precisamos parar de estigmatizar o que é aceitável para certos gêneros e apenas deixar que crianças sejam crianças. Minha esperança é que este projeto incentive mais empresas na Califórnia e nos EUA a evitar o reforço de estereótipos prejudiciais e desatualizados”.

Enquanto os legisladores democratas protegem as crianças de estereótipos prejudiciais e desatualizados, muitas crianças que estudam em escolas públicas da Califórnia não conseguem ler ou realizar operações matemáticas dentro dos níveis estaduais de proficiência, que não são particularmente altos.

Em 2019, apenas metade das crianças nas escolas públicas eram proficientes em leitura, enquanto apenas 40% eram proficientes em matemática.

A taxa de desemprego da Califórnia, 7,3%, empata com a de Nevada no último lugar. Em contraste, o Texas e a Flórida registram 5,4% e 4,6%, respectivamente.

Lee Ohanian, economista da Universidade da Califórnia em Los Angeles (UCLA), foi coautor de um relatório publicado em agosto sobre as políticas fiscais e regulatórias que fazem com que as empresas abandonem a Califórnia a uma taxa sem precedentes. O relatório concluiu: “A menos que reformas em políticas públicas revertam esse curso, a Califórnia continuará a perder negócios, tanto grandes empresas estabelecidas, quanto empresas jovens em rápido crescimento, algumas das quais se tornarão gigantes transformadoras amanhã”.

As políticas públicas da Califórnia estão expulsando do estado ricos de alto perfil. Elon Musk, atualmente o homem mais rico do mundo, está mudando a sede da Tesla da Califórnia para o Texas. Musk, que diz que vai pagar US$ 11 bilhões em impostos este ano, já mudou sua residência de Los Angeles para Austin, capital texana.

Em uma população de quase 40 milhões de californianos, 1% dos contribuintes respondem por quase metade das receitas de imposto de renda do estado. E Musk, o maior dos “1%”, simplesmente foi embora.

© 2021 The Daily Signal. Publicado com permissão. Original em inglês.

Deixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros

Máximo de 700 caracteres [0]