Como você se sentiu com essa matéria?

  • Carregando...

Dois cidadãos noruegueses foram condenados à morte nesta terça-feira (8) por um tribunal militar da República Democrática do Congo.

A sentença foi proferida em Kisangani. Tjostolv Moland, de 28 anos, e Joshua French, de 27, foram acusados pela morte de seu motorista congolês, em maio, além de espionagem, roubo a mão armada e crime organizado.

Os dois declararam-se inocentes e dizem que faziam turismo. Guillaume Likwela, advogado de defesa, reclamou que o julgamento foi proferido em francês, língua que os acusados não entendiam, e sem intérprete.

Eles têm prazo de cinco dias para recorrer.

O governo da Noruega criticou a dureza da decisão e afirmou que, por princípio, opõe-se à pena capital.

Deixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros
Máximo de 700 caracteres [0]