i

O Sua Leitura indica o quanto você está informado sobre um determinado assunto de acordo com a profundidade e contextualização dos conteúdos que você lê. Nosso time de editores credita 20, 40, 60, 80 ou 100 pontos a cada conteúdo – aqueles que mais ajudam na compreensão do momento do país recebem mais pontos. Ao longo do tempo, essa pontuação vai sendo reduzida, já que conteúdos mais novos tendem a ser também mais relevantes na compreensão do noticiário. Assim, a sua pontuação nesse sistema é dinâmica: aumenta quando você lê e diminui quando você deixa de se informar. Neste momento a pontuação está sendo feita somente em conteúdos relacionados ao governo federal.

Fechar
A matéria que você está lendo agora+0
Informação faz parte do exercício da cidadania. Aqui você vê quanto está bem informado sobre o que acontece no governo federal.
Que tal saber mais sobre esse assunto?
terremoto

Obama diz que condições no Haiti permanecem terríveis

Falando na Casa Branca após um encontro com o presidente do Haiti, René Préval, Obama disse que apenas uma resposta global à crise do país ajudaria na sua recuperação

  • Porreuters
  • 10/03/2010 12:33
Falando na Casa Branca após um encontro com o presidente do Haiti, René Préval, Obama disse que apenas uma resposta global à crise do país ajudaria na sua recuperação | Reuters
Falando na Casa Branca após um encontro com o presidente do Haiti, René Préval, Obama disse que apenas uma resposta global à crise do país ajudaria na sua recuperação| Foto: Reuters

O presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, disse nesta quarta-feira que as condições no Haiti pós-terremoto permanecem terríveis e prometeu que os EUA serão um parceiro de confiança nos esforços para a reconstrução do país.

Falando na Casa Branca após um encontro com o presidente do Haiti, René Préval, Obama disse que apenas uma resposta global à crise do país ajudaria na sua recuperação.

"A situação no local permanece terrível e as pessoas deveriam não ter ilusões de que a crise acabou", afirmou Obama, ao lado de Préval.

Obama disse que muitos haitianos ainda necessitam desesperadamente de abrigo, comida e medicamentos -- situação que deve se agravar com o início da temporada das chuvas.

"O desafio agora é evitar um segundo desastre e é por isso que neste momento milhares de americanos, tanto civis como militares, permanecem no local a convite do governo haitiano", afirmou.

Obama não propôs nenhuma quantia para uma futura ajuda financeira dos EUA ao Haiti. A secretária de Estado norte-americana, Hillary Clinton, afirmou na terça-feira que os EUA já colocaram cerca de 700 milhões de dólares nos esforços de reconstrução do Haiti.

Préval elogiou a velocidade e o tamanho da resposta internacional ao desastre e expressou gratidão a Obama por fazer do esforço de resgate dos EUA uma prioridade.

Deixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros
Máximo de 700 caracteres [0]

Receba Nossas Notícias

Receba nossas newsletters

Ao se cadastrar em nossas newsletters, você concorda com os nossos Termos de Uso.

Receba nossas notícias no celular

WhatsApp: As regras de privacidade dos grupos são definidas pelo WhatsApp. Ao entrar, seu número pode ser visto por outros integrantes do grupo.

Comentários [ 0 ]

O conteúdo do comentário é de responsabilidade do autor da mensagem. Consulte a nossa página de Dúvidas Frequentes e Política de Privacidade.