Como você se sentiu com essa matéria?

  • Carregando...

A Ucrânia celebrou ontem o 16.º aniversário de sua independência da União das Repúblicas Socialistas Soviéticas (URSS) com uma marcha militar e orações em meio ao badalar dos sinos das catedrais. O presidente da Ucrânia, Viktor Yushchenko, pediu união a seu povo antes das eleições parlamentares de setembro em um momento no qual o país atravessa uma persistente turbulência política em meio a uma disputa de poder entre partidos.

Deixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros
Máximo de 700 caracteres [0]