i

O Sua Leitura indica o quanto você está informado sobre um determinado assunto de acordo com a profundidade e contextualização dos conteúdos que você lê. Nosso time de editores credita 20, 40, 60, 80 ou 100 pontos a cada conteúdo – aqueles que mais ajudam na compreensão do momento do país recebem mais pontos. Ao longo do tempo, essa pontuação vai sendo reduzida, já que conteúdos mais novos tendem a ser também mais relevantes na compreensão do noticiário. Assim, a sua pontuação nesse sistema é dinâmica: aumenta quando você lê e diminui quando você deixa de se informar. Neste momento a pontuação está sendo feita somente em conteúdos relacionados ao governo federal.

Fechar
A matéria que você está lendo agora+0
Informação faz parte do exercício da cidadania. Aqui você vê quanto está bem informado sobre o que acontece no governo federal.
Que tal saber mais sobre esse assunto?
terrorismo

Promotora diz que suspeitos tramavam atentado na Noruega

Três homens presos podem ter ligações com a Al-Qaeda. Suspeitos se declararam inocentes das acusações

  • PorReuters
  • 12/07/2010 18:09

Três homens presos na semana passada na Noruega e na Alemanha sob suspeita de ligação com a Al-Qaeda estavam planejando atentados contra alvos na Noruega, disseram autoridades na segunda-feira.

"Acreditamos que eles estivessem planejando um ou vários ataques em solo norueguês", disse a promotora policial Signe Aalling a jornalistas no intervalo de uma audiência judicial em Oslo. Ela acrescentou que a polícia está investigando possíveis conexões dos suspeitos no exterior.

Sobre a possibilidade de eles planejarem ataques em outros países, Aalling disse que isso seria improvável, porque a substância a ser usada como explosivo é difícil de transportar. "Bombas de peróxido de hidrogênio são instáveis", afirmou.

O tribunal identificou dois dos suspeitos: Mikael Davud, 39 anos, cidadão norueguês de origem uigur (etnia islâmica da China), e David Jakobsen, 31 anos, cidadão uzbeque com residência permanente na Noruega.

Advogados de Davud e Jakobsen disseram que eles se declararam inocentes.

Deixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros
Máximo de 700 caracteres [0]

Receba Nossas Notícias

Receba nossas newsletters

Ao se cadastrar em nossas newsletters, você concorda com os nossos Termos de Uso.

Receba nossas notícias no celular

WhatsApp: As regras de privacidade dos grupos são definidas pelo WhatsApp. Ao entrar, seu número pode ser visto por outros integrantes do grupo.

Comentários [ 0 ]

O conteúdo do comentário é de responsabilidade do autor da mensagem. Consulte a nossa página de Dúvidas Frequentes e Política de Privacidade.