Como você se sentiu com essa matéria?

  • Carregando...

Dushanbe - Um helicóptero militar que transportava membros de uma unidade de elite caiu no leste do Tadjiquistão, na Ásia Central, matando 28 soldados na quarta-feira, disseram fontes militares."Vinte e um soldados do grupo especial do comitê de segurança nacional estatal Alfa e sete soldados do Exército morreram", disse uma fonte militar.

O helicóptero caiu na região de Rasht, 180 quilômetros a leste da capital Dushanbe.

As forças armadas estiveram envolvidas em uma operação de combate na área, depois de um ataque a um comboio militar em 19 de setembro que matou 28 soldados e deixou 12 feridos.

O departamento de imprensa da Guarda Nacional, que operava o helicóptero russo MI-8, só confirmou a morte de quatro soldados e não fez comentários sobre um número maior de vítimas fatais.

Acredita-se que uma falha técnica teria causado o acidente, disse um porta-voz da guarda, sem dar mais detalhes. Outras fontes descartaram a possibilidade de um ataque, dizendo que a queda teria sido acidental.

A região de Rasht era o reduto da insurgência islâmica desde a guerra civil do Tadjiquistão na década de 1990, quando guerrilheiros islâmicos combateram o regime autoritário de Emomali Rakhmon.

Deixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros
Máximo de 700 caracteres [0]