Como você se sentiu com essa matéria?

  • Carregando...
  • Ícone FelizÍcone InspiradoÍcone SurpresoÍcone IndiferenteÍcone TristeÍcone Indignado
Embaixada russa em Helsinque: alegação de falta de pagamento na importação de energia elétrica ocorre em momento de tensão devido à possível entrada da Finlândia na OTAN
Embaixada russa em Helsinque: alegação de falta de pagamento na importação de energia elétrica ocorre em momento de tensão devido à possível entrada da Finlândia na OTAN| Foto: EFE/EPA/MAURI RATILAINEN

A RAO Nordic Oy, braço europeu da empresa de energia russa Inter RAO, anunciou nesta sexta-feira (13) que cortará o fornecimento de energia elétrica à Finlândia a partir de sábado (14), alegando falta de pagamento.

“Somos forçados a suspender as importações de eletricidade a partir de 14 de maio”, disse a empresa em seu site.

O anúncio foi feito em meio ao aumento das tensões entre a Rússia e a Finlândia, devido a Helsinque ter manifestado intenção de aderir à OTAN.

A RAO Nordic Oy disse que “tem importado energia da Rússia para a Finlândia e vendido para a bolsa (de energia pan-europeia) Nord Pool por muitos anos” e que “as vendas realizadas desde 6 de maio ainda não foram creditadas com fundos em nossa conta bancária”.

“Esta situação é excepcional e ocorreu pela primeira vez em mais de 20 anos de nossa história comercial”, alegou a empresa.

“Esperamos que a situação melhore em breve e que o comércio de energia elétrica com a Rússia possa ser retomado”, acrescentou.

Em abril, a empresa finlandesa Fingrid informou que limitaria a capacidade de transmissão de energia na fronteira com a Rússia, o que reduziria a potência de importação de 1,3 mil MW para 900 MW.

“Esta decisão é baseada em uma avaliação dos riscos para o sistema energético no contexto das mudanças da situação internacional”, disse a companhia, referindo-se ao conflito militar iniciado pela Rússia na Ucrânia.

A Inter RAO é a única operadora de exportação e importação de energia elétrica na Rússia, e seu principal cliente tem sido historicamente a Finlândia.

Somente em 2021, a Rússia forneceu ao país vizinho 8,2 bilhões de kWh de um total de 21,77 bilhões de kWh exportados.

Deixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros

Máximo de 700 caracteres [0]