Como você se sentiu com essa matéria?

  • Carregando...
Imagem do vídeo divulgado pelo Ministério da Defesa da Rússia mostra o lançamento do novo míssil interceptor
Imagem do vídeo divulgado pelo Ministério da Defesa da Rússia mostra o lançamento do novo míssil interceptor| Foto: Ministério da Defesa da Rússia / TASS

Um míssil interceptor hipersônico foi testado com sucesso pelas Forças de Defesa Aeroespacial da Rússia em território do Cazaquistão, afirmou o Ministério da Defesa russo na terça-feira (4).

O sistema de defesa de mísseis interceptores serve para detectar, rastrear e destruir mísseis inimigos, que podem estar armados com ogivas nucleares ou com armas convencionais, químicas ou biológicas.

A Rússia alega que a precisão do seu sistema de mísseis interceptores nunca foi alcançada por qualquer outro país. Os testes foram feitos em Sary-Shagan, um território para testes de mísseis antibalísticos no Cazaquistão, disse o ministério pelo Twitter.

"Depois de uma série de testes, o novo míssil interceptor confirmou suas características e completou com sucesso a tarefa ao acertar com precisão o alvo designado", disse o vice-comandante da unidade de defesa antimísseis, Vladimir Sergiyenko, segundo a agência de notícias russa Tass.

Testes anteriores do sistema haviam sido feitos em 1º de dezembro de 2018.

O canal estatal de notícias Russia-24 relatou que o novo sistema será usado para proteger as fronteiras russas contra armamentos aeroespaciais.

Mísseis hipersônicos podem ser lançados da terra, do mar ou do ar, e podem voar a uma velocidade de mais de nove vezes a velocidade do som. Os Estados Unidos já foram os líderes no desenvolvimento de tecnologia de mísseis hipersônicos, mas ficaram para trás nos últimos 60 anos, segundo a Fox News, citando o professor de engenharia aeroespacial Iain Boyd, da Universidade de Michigan.

O Departamento de Defesa dos EUA anunciou recentemente que a tecnologia hipersônica terão "a mais alta prioridade", após avanços na área feitos por Rússia e China.

6 COMENTÁRIOSDeixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros
Máximo de 700 caracteres [0]