i

O Sua Leitura indica o quanto você está informado sobre um determinado assunto de acordo com a profundidade e contextualização dos conteúdos que você lê. Nosso time de editores credita 20, 40, 60, 80 ou 100 pontos a cada conteúdo – aqueles que mais ajudam na compreensão do momento do país recebem mais pontos. Ao longo do tempo, essa pontuação vai sendo reduzida, já que conteúdos mais novos tendem a ser também mais relevantes na compreensão do noticiário. Assim, a sua pontuação nesse sistema é dinâmica: aumenta quando você lê e diminui quando você deixa de se informar. Neste momento a pontuação está sendo feita somente em conteúdos relacionados ao governo federal.

Fechar
A matéria que você está lendo agora+0
Informação faz parte do exercício da cidadania. Aqui você vê quanto está bem informado sobre o que acontece no governo federal.
Que tal saber mais sobre esse assunto?
Direitos Humanos

Suécia aceita reconhecer genocídio armênio

  • 11/03/2010 21:02

O Parlamento da Suécia aprovou ontem, por pequena margem de votos, uma resolução que reconhece que os assassinatos de armênios ocorridos em 1915 na Turquia foi um genocídio, o que fez com que o governo turco chamasse sua embaixadora em protesto.

A medida foi aprovada por um voto de diferença, numa decisão surpreendente tomada uma semana depois de um comitê do Congresso dos Estados Unidos ter aprovado resolução similar.

O governo de centro-direita da Suécia se opôs à medida, mas ela foi aprovada por 131 votos a 130 porque vários legisladores de centro-direita não seguiram as diretrizes de seus partidos. Oito legisladores da assembleia de 349 integrantes se abstiveram.

Historiadores estimam que cerca de 1,5 milhão de armênios foram mortos por turcos otomanos no final da Primeira Guerra Mundial.

A Turquia nega que as mortes constituam genocídio.

Deixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros
Máximo de 700 caracteres [0]

Receba Nossas Notícias

Receba nossas newsletters

Ao se cadastrar em nossas newsletters, você concorda com os nossos Termos de Uso.

Receba nossas notícias no celular

WhatsApp: As regras de privacidade dos grupos são definidas pelo WhatsApp. Ao entrar, seu número pode ser visto por outros integrantes do grupo.

Comentários [ 0 ]

O conteúdo do comentário é de responsabilidade do autor da mensagem. Consulte a nossa página de Dúvidas Frequentes e Política de Privacidade.