Como você se sentiu com essa matéria?

  • Carregando...
O primeiro-ministro canadense Justin Trudeau, o primeiro-ministro britânico Boris Johnson e a princesa britânica Anne em recepção no Palácio de Buckingham, Londres, 3 de dezembro
O primeiro-ministro canadense Justin Trudeau, o primeiro-ministro britânico Boris Johnson e a princesa britânica Anne em recepção no Palácio de Buckingham, Londres, 3 de dezembro| Foto: Yui Mok / POOL / AFP

O primeiro-ministro do Canadá, Justin Trudeau, admitiu que estava falando sobre o presidente americano Donald Trump com outros líderes mundiais quando foi flagrado por uma câmera em evento no Palácio de Buckingham, Londres, na noite de terça-feira.

Após a divulgação do vídeo, Trump chamou Trudeau de "duas caras" e encerrou mais cedo a sua participação na cúpula de líderes da Otan nesta quarta-feira.

O vídeo da conversa informal entre Trudeau, o premiê britânico Boris Johnson e o presidente francês Emmanuel Macron circulou amplamente pelas redes sociais. Embora os líderes não mencionem o nome de Trump na conversa, muitos espectadores concluíram que eles estavam rindo do comportamento do presidente americano naquele dia.

"Na noite passada eu fiz uma referência ao fato de ter havido uma coletiva de imprensa não programada antes de meu encontro com o presidente Trump. Eu fiquei feliz de ter sido parte disso, mas foi certamente notável", Trudeau disse em coletiva de imprensa nesta quarta-feira, segundo a CNN.

O líder canadense disse ainda aos jornalistas que quando é visto no vídeo falando "você só via os assessores dele com os queixos caindo no chão" se referia ao anúncio de Trump de que a próxima cúpula do G7 seria realizada em Camp David. "Todos os líderes têm equipes que de vez em quando ficam com os queixos caídos por surpresas não anunciadas. Como esse próprio vídeo, por exemplo", disse Trudeau.

Na manhã desta quarta-feira, Trump cancelou abruptamente uma coletiva de imprensa planejada para depois da conclusão da cúpula, argumentando que ele já havia respondido muitas perguntas dos jornalistas durante a sua visita à Inglaterra.

Quando os jornalistas o perguntaram sobre a zombaria de Trudeau, Trump criticou o primeiro-ministro canadense. "Bem, ele é 'duas caras'. E, francamente, com Trudeau, ele é um cara legal. Eu acho ele um cara muito legal. Mas, você sabe, a verdade é que eu o repreendi pelo fato de ele não estar pagando 2% [do orçamento do Canadá em defesa] e acho que ele não está muito feliz com isso".

Deixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros
Máximo de 700 caracteres [0]