Como você se sentiu com essa matéria?

  • Carregando...
Carlos Murillo e Randolfe Rodrigues na CPI da Covid.
Carlos Murillo e Randolfe Rodrigues na CPI da Covid.| Foto: Jefferson Rudy/Agência Senado

Para começar este resumo de notícias. Encerrando a semana de depoimentos na CPI da Covid, os senadores ouviram o gerente-geral da farmacêutica Pfizer para a América Latina, Carlos Murillo. Em sua fala, ele disse que seis propostas para comercialização da vacina contra a Covid-19 enviadas pela empresa ao governo brasileiro no ano passado permaneceram sem resposta. Senadores governistas rebateram, dizendo que o governo não tinha como executar a compra de vacinas ainda em 2020. Durante discurso em Alagoas, o presidente Jair Bolsonaro criticou a CPI: “temos um vagabundo inquirindo pessoas de bem no país”.

Habeas corpus. Entre os depoimentos agendados para a próxima semana está o do ex-ministro da Saúde Eduardo Pazuello. A Advocacia-Geral da União (AGU) apresentou um pedido de habeas corpus para que Pazuello possa permanecer em silêncio.

Depoimentos. Também serão ouvidos na semana que vem o ex-ministro das Relações Exteriores, Ernesto Araújo, e Mayra Pinheiro, secretária de Gestão do Trabalho do Ministério da Saúde e defensora do tratamento precoce. Olavo Soares conta como foi o dia na CPI.

Utilidade pública  

Remédios contra Covid. A Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) aprovou o uso de dois medicamentos para o tratamento de pacientes diagnosticados com a Covid-19 no Brasil. A decisão tem caráter emergencial, com autorização temporária para atender às demandas da pandemia. Saiba que medicamentos são esses e como funcionam.

Genética e o vírus. O que leva alguém a passar por um quadro grave de Covid-19, enquanto seus familiares acabam tendo casos leves ou assintomáticos? Um grupo de pesquisadores brasileiros tenta buscar na genética as respostas para esse questionamento. Veja o que eles descobriram até o momento.

Atualização. O Brasil registrou nesta quinta (13) mais 2.383 mortes por Covid-19 e 74.592 novos casos da doença, segundo boletim do Ministério da Saúde. Ao todo, o Brasil já contabiliza 15.433.989 diagnósticos positivos e 430.417 óbitos. Quanto à vacinação, até o momento foram imunizados 33.920.006 com a primeira dose e 16.107.685 com a segunda.

Política e economia

Voto auditável. A Câmara dos Deputados instalou uma comissão especial para analisar a proposta de emenda à Constituição (PEC) que institui o voto impresso. O voto auditável é a principal pauta do ato que vai levar manifestantes às ruas no próximo sábado (15), intitulado Marcha da Família com Deus pela Liberdade. Um grupo de engenheiros está propondo uma solução barata e auditável para garantir a certificação do voto.

ICMS do PIS/Cofins. No julgamento que foi chamado de “tese de século”, o Supremo Tribunal Federal (STF) decidiu, por 8 votos a 3, que a retirada do ICMS da base de cálculo do PIS/Cofins vale a partir de 2017, quando a Corte julgou inconstitucional a questão. Além disso, entendeu que o ICMS a ser excluído é o destacado na nota fiscal, e não o efetivamente pago. Entenda os efeitos da decisão.

Giro pelo mundo. As Forças de Defesa de Israel anunciaram um ataque à Faixa de Gaza com tropas terrestres, intensificando o conflito na região. Rafael Salvi mostra qual o poder de fogo do Hamas, cujo arsenal cresceu desde a última guerra. Nos Estados Unidos, o governo anunciou que moradores que já receberam a vacinação completa contra a Covid-19 não precisarão mais usar máscara nem manter distanciamento.

O que mais você precisa saber hoje

Eleições 2022. Bolsonaro X Lula: o que dizem as 5 pesquisas eleitorais mais recentes

Simplificação. Texto único ou fatiada: quais os rumos da reforma tributária no Congresso

Projeto de lei. Novo licenciamento ambiental avança e oposição na Câmara ameaça ir ao Supremo

Educação. Enem 2021 só deverá ser realizado em janeiro de 2022

Colunas e artigos

Idade das Trevas. Nem tudo são trevas na Idade Média, aquela que ficou conhecida como a Idade das Trevas. O podcast Ideias conta um pouco da história não contada desse período. Já o podcast Quarentena Cult debate o filme indiano “O Tigre Branco”, que mostra a ascensão financeira num mundo sem moral. E Madeleine Lacsko questiona: como garantir liberdade acadêmica na era da cultura do cancelamento?

Nossa visão  

Conflitos em Israel. O risco de um conflito em grande escala entre as forças israelenses e os terroristas do Hamas e do Jihad Islâmica, que dominam a Faixa de Gaza, cresceu nos últimos dias com a insistente ofensiva dos grupos palestinos, que vêm lançando centenas de foguetes sobre o território de Israel, sem discriminar entre alvos militares e civis. Tema para o nosso novo editorial: Os foguetes do terror, a resposta de Israel e a paz distante.

Ainda que ocorra algum tipo de cessar-fogo nas próximas horas ou dias, como ocorreu no fim de 2018 após campanha idêntica de lançamento de foguetes dos terroristas, respondida com ataques aéreos israelenses, a paz definitiva é um sonho distante. Negociações duradouras com Israel jamais estiveram entre os objetivos do Hamas, que ainda prega a destruição do Estado judeu, coíbe iniciativas de convivência pacífica e se vê pressionado por grupos ainda mais radicais.

Para inspirar

Para ser um grande chef. Em 13 de maio foi celebrado o dia nacional do chef de cozinha. Para marcar a data, o Bom Gourmet da Gazeta do Povo procurou dois profissionais premiados para responder à pergunta: o que há por trás de um grande chef? Confira as respostas. Aproveite o fim de semana para colocar suas leituras da Gazeta do Povo em dia!

25 COMENTÁRIOSDeixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros
Máximo de 700 caracteres [0]