i

O Sua Leitura indica o quanto você está informado sobre um determinado assunto de acordo com a profundidade e contextualização dos conteúdos que você lê. Nosso time de editores credita 20, 40, 60, 80 ou 100 pontos a cada conteúdo – aqueles que mais ajudam na compreensão do momento do país recebem mais pontos. Ao longo do tempo, essa pontuação vai sendo reduzida, já que conteúdos mais novos tendem a ser também mais relevantes na compreensão do noticiário. Assim, a sua pontuação nesse sistema é dinâmica: aumenta quando você lê e diminui quando você deixa de se informar. Neste momento a pontuação está sendo feita somente em conteúdos relacionados ao governo federal.

Fechar
A matéria que você está lendo agora+0
Informação faz parte do exercício da cidadania. Aqui você vê quanto está bem informado sobre o que acontece no governo federal.
Que tal saber mais sobre esse assunto?
Editorial 2

A gripe já é nossa

  • Por
  • 19/07/2009 21:02

O ministro da Saúde, José Gomes Temporão, teve de curvar-se à realidade: a gripe A já ganhou vida própria no Brasil. Já foram registradas 11 mortes, mas uma delas, a de um paciente que nunca teve qualquer contato ou proximidade com pessoas provenientes de países onde a doença já estivesse instalada, demonstra que o vírus já circula livremente no território nacional. Com isso, o país junta-se a Estados Unidos, México, Canadá, Chile, Argentina, Austrália e Reino Unido, onde se reconhece um quadro de transmissão sustentada. A pergunta é: o governo brasileiro deixou de tomar medidas mais rigorosas para evitar que passássemos a integrar esse grupo de países? O que se sabe é que, apesar da liberação de R$ 129 milhões para prevenção e combate a doenças, foram até agora realmente aplicados menos de R$ 10 milhões. O pouco gasto não comprova ser esta a causa da proliferação, mas também não a nega. A questão agora, além desta, isto é, a de empregar todos os recursos orçamentários possíveis para aparelhar hospitais e postos de saúde, treinar agentes e instruir a população, é também outra, muito preocupante: se a gripe A já é nossa, o que será possível fazer para que não cheguemos a mais um caos sanitário, como já o é o da dengue e de tantas outras doenças típicas do subdesenvolvimento?

Deixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros
Máximo de 700 caracteres [0]

Receba Nossas Notícias

Receba nossas newsletters

Ao se cadastrar em nossas newsletters, você concorda com os nossos Termos de Uso.

Receba nossas notícias no celular

WhatsApp: As regras de privacidade dos grupos são definidas pelo WhatsApp. Ao entrar, seu número pode ser visto por outros integrantes do grupo.

Comentários [ 0 ]

Máximo 700 caracteres [0]

O conteúdo do comentário é de responsabilidade do autor da mensagem. Consulte a nossa página de Dúvidas Frequentes e Termos de Uso.