i

O Sua Leitura indica o quanto você está informado sobre um determinado assunto de acordo com a profundidade e contextualização dos conteúdos que você lê. Nosso time de editores credita 20, 40, 60, 80 ou 100 pontos a cada conteúdo – aqueles que mais ajudam na compreensão do momento do país recebem mais pontos. Ao longo do tempo, essa pontuação vai sendo reduzida, já que conteúdos mais novos tendem a ser também mais relevantes na compreensão do noticiário. Assim, a sua pontuação nesse sistema é dinâmica: aumenta quando você lê e diminui quando você deixa de se informar. Neste momento a pontuação está sendo feita somente em conteúdos relacionados ao governo federal.

Fechar
A matéria que você está lendo agora+0
Informação faz parte do exercício da cidadania. Aqui você vê quanto está bem informado sobre o que acontece no governo federal.
Que tal saber mais sobre esse assunto?
Coluna do leitor

Aumento para servidores

  • Porleitor@gazetadopovo.com.br
  • 30/05/2013 21:03

A questão da concessão de aumento para os servidores públicos do estado em parcela única (Gazeta, 29/5) parece um teatro, em que o mocinho bonzinho, num gesto de grandeza, resolve conceder o fabuloso aumento de salário, contra todos os indicativos financeiros de seus assessores, que só o lembram das dificuldades às vésperas do aumento do funcionalismo. Será que o governo imagina que está enganando alguém?

Guaraci Joarez Abreu, Pontal do Paraná – PR

Gastos com pessoal

O estado atual dos gastos somente consolida a minha decepção com o governo estadual. Quais grandes obras de infraestrutura foram realizadas? Quais as melhorias nas estradas, nos portos, nos aeroportos e na estrutura do Paraná? Entretanto, muitos cargos políticos foram criados e os gastos com pessoal não param de crescer. Apesar do trabalho competente do secretário Hauly, coloco em dúvida a reeleição do nosso atual governador diante desse quadro de descontrole financeiro do Paraná.

Wilson Jorge, economista

Senado

Esse presidente do Senado Renan Calheiros pensa que é quem para decidir não votar a MP que reduz a conta de luz (Gazeta, 29/5)? No seu mandato anterior, ele renunciou para não ser cassado e representa uma das maiores vergonhas deste país. Ele deveria ter vergonha de tentar impor a sua vontade, ainda mais quando isso prejudica a população. A população de Alagoas deveria ter vergonha de o ter eleito.

Hermes Carlos Bollmann

Bolsa Família

E agora Lula? E agora presidente Dilma? E agora Falcão? A língua comeu solta dizendo que o episódio do Bolsa Família era coisa de gente do mal; que foi um ato desumano e criminoso e também terrorismo eleitoral. Uma ministra gritou que era coisa da oposição. Mas a verdade é bem diferente. O erro foi da Caixa. Agora Lula e Dilma deveriam sair da toca e vestir a camisa da humildade, reconhecendo que se precipitaram e agiram sem ter noção.

Jeovah Ferreira

Feriados da Copa 1

Não sou adepto ao futebol, mas a possibilidade de feriado em Curitiba nos jogos da Copa não me parece poder causar tantas perdas como alega o comércio. Há um pouco de alarme precipitado por parte dos comerciantes e da ACP quanto a essa questão. Será que havendo feriado nos dias de jogos em Curitiba o comércio, principalmente no anel central de Curitiba, perderá tanto em deixar de vender? Pela lógica, os turistas estarão na Arena e não fazendo compras.

Marcelo Rebinski

Feriados da Copa 2

Concordo plenamente que feriado é para todos. Então nos dias de feriados da Copa do Mundo de futebol, ou outros feriados, tem de fechar hospitais, creches, farmácias, postos de saúde, supermercados, aeroportos, rodoviárias. Só assim o feriado é justo para todos!

Ines Lourdes Nizzola

Ditadura

Em 1964, aconteceu um golpe destituindo um governo legitimamente constituído. Esse golpe, entre outras consequências, destruiu o ensino público, acabou com cursos técnicos, acabou com a Panair, com a TV Excelsior. A desculpa do "comunismo", foi para justificar o financiamento do golpe por quem se favoreceu com a ação. Antes de postarem comentários destituídos de fundamento, as pessoas deveriam estudar a verdadeira história.

Randal Guelfi

Nota fiscal

Há um equívoco na reportagem "Lei da nota fiscal não revela todos os impostos" (Gazeta, 29/5). O texto diz que está faltando a informação dos tributos IRPJ e CSLL para o consumidor alegando ser ele quem "paga" esses impostos sem saber. Isso é incorreto. Quem paga o IRPJ e a CSLL é a empresa e não o consumidor.

Paulo Ricardo Vale

Ciclofaixas

Muito boa a iniciativa de criar uma ciclovia de 20 km na Avenida das Torres até a Copa do Mundo (Gazeta, 29/5). Porém, outras ciclovias deveriam ser construídas nos bairros e ruas centrais de Curitiba, ligando todas as regiões da cidade. Para isso, a prefeitura poderia diminuir o número de vagas de estacionamento e utilizar as vias centrais para a implantação das ciclovias ou ciclofaixas.

Teofilo Ozir Guimarães

Espécies exóticas

Espero que esse projeto de mapeamento de espécies exóticas não promova o corte de "espécies invasoras" saudáveis nos parques só pelo fato de não fazerem parte de um ideal acadêmico. O planeta tem bilhões de anos, espécies surgem e desaparecem diariamente, mas tem gente com uma visão estática da natureza. Se a araucária é o "urso panda" da botânica, que plantem mais delas e deixem as "invasoras" em paz.

Marcelo Henrique da Silva

Felicidade

O Brasil é o 4º país "mais infeliz", apontado pelo Organização e o Desenvolvimento Econômico (OCDE) entre 36 países analisados. Conta na pesquisa renda, acesso à saúde, segurança pública, habitação e meio ambiente. Não foi no governo do ex-presidente Lula que foi cantado aos quatro ventos que o brasileiro alcançou a felicidade plena como "nunca antes neste país"? Alguma coisa está errada. Ou a presidente Dilma detonou com a felicidade dos brasileiros em pouco mais de dois anos de governo, ou a propaganda de Lula sempre foi a mais eficiente no governo petista.

Beatriz Campos

Bolsa Família

Perfeita a opinião da leitora Maria Stephan (Gazeta 25/5) quando se refere ao comportamento do homem em comparação a mulher na família que recebe o auxílio Bolsa Família. Embora a importância social desse auxílio seja inegável, ele está estimulando a preguiça e incentivando outros vícios, além de fazer das pessoas peças de fácil manobra em prejuízo do exercício da verdadeira cidadania. Resumindo: é pão e circo para o povo.

João Candido de Oliveira Neto

Copa do Mundo

Passado alguns anos do anúncio de que Curitiba seria uma das sedes da Copa do Mundo, nada ou quase nada foi feito. Ora, dinheiro não falta, só não sabemos onde ele está! E agora querem maquiar a cidade tirando os carros de circulação! Não acredito que pagamos impostos e salários para vereadores votarem esse tipo de projeto. Estamos perdendo uma oportunidade de melhorar a cidade e deixar um legado para nossos filhos!

Alessandro Bento de Souza

Médicos estrangeiros

Vi futuros médicos protestando contra a intenção de o governo federal de importar médicos para atender às regiões abandonadas do país, alegando falta de condições. Mas vários municípios do interior do país oferecem até R$ 30 mil mensais para um médico e eles protestam por falta de condições? Quanto será que um médico pretende ganhar? Querem mesmo é permanecer nos grandes centros, comprar chácara e veículo importado.

Edwaldo Gomes Machado

Aposentadoria

Devagarinho as coisas vão se ajeitando. É só esperar os ânimos se acalmarem; a mídia não divulgar; outro assunto entrar em destaque para desviar a atenção do povo, que aquilo que era imoral, ilegal e até inconstitucional é aprovado. Foi assim com a aposentadoria concedida ao ex-governador Orlando Pessuti, que com apenas nove meses na função de governador, receberá mais de R$ 26 mil por mês, até o fim de seus dias. Quem pagará essa conta? O povo paranaense.

Dulcelina Aparecida Messias

Médicos no interior

Acho um descaso com os cidadãos do interior haver uma relação de 0,3 médicos para mil, ou seja, são muitos poucos médicos muitos munícipes. Moro numa cidade de mais de 100 mil habitantes e também percebo falta de médicos e ainda há situações piores em outras cidades. Na internet vemos pessoas fazendo piada sobre a gigante fila para ser atendido no SUS, mas isso não é piada, é um caso sério. Como brasileiros devemos lutar por nossos direitos e não apenas fazer piada.

Gabriel B. Lacerda

TC

Os Tribunais de Conta de todo o Brasil se tornaram cabides de empregos para políticos ou parentes de políticos sem formação jurídica alguma. E ainda vemos alguns de seus membros respondendo processos na Justiça. É uma vergonha para o país e para a classe dos que usam a política para benefício próprio.

Roberto Schinemann, Foz do Iguaçu – PR

Ditadura 1

Parabéns pela entrevista e as colocações do historiador Marco Villa (Gazeta de 25/5), colocando em seus devidos lugares os velhos guerrilheirosagora infiltrados no poder. É público e notório que a intenção desses marginais era implantar o comunismo no Brasil. Agora estão cogitando a mudança da história e de nomes de praças, ruas e viadutos, certamente para homenagear os seus "heróis nacionais": Zé Dirceu, José Genoino, João Paulo Cunha etc.

Jovino P. Faria

Ditadura 2

Me desculpem, mas o leitor Marcelo Henrique, ao falar sobre a ditadura, finalizou dizendo uma incoerência. Concordo que alguns lutavam para implantar uma ditadura comunista, agora a frase: "O capitalismo pode ter muitos defeitos, mas ostenta uma qualidade involuntária: não se desenvolve onde há ataques à liberdade" é uma inverdade. Basta ver a China, que virou uma ditadura capitalista a la Orwell; aliás, o capitalismo sempre foi autoritário, vide os primórdios da industrialização.

Maurício Antunes, Rio Negro – PR

Distúrbios

Após tantos anos convivendo com essas tais "doenças", que antigamente eram conhecidas como meras manias das pessoas, somente agora, depois de tanto tempo, eles analisaram decidiram que são doenças. Não concordo com isso. Mas, no caso do luto, por exemplo, se a pessoa já está há duas semanas sem comer direito, só chorando, não dorme direito, são bons motivos para ela ir fazer uma visita ao médico.

Jéssica Carneiro Maia

Protesto

Sou solidária com a manifestação de cobradores e motoristas de ônibus (Gazeta, 29/5). Nossa sociedade mudou muito, a cidade está cheia de menores sem perspectiva de vida. Com a lei mal aplicada, encontramos mentes vazias e sem maturidade, dispostas a cometer crimes para obter lucro à custa de vidas alheias.

Maria Stephan

* * * * *

As mensagens devem ser enviadas à Redação com identificação do autor, endereço e telefone. Em razão de espaço ou compreensão, os textos podem ser resumidos ou editados. O jornal se reserva, ainda, o direito de publicar ou não as colaborações.Rua Pedro Ivo, 459 - Centro • Curitiba, PR - CEP 80010-020 • Tel.: (41) 3321-5999 - Fax: (41) 3321-5472.

Deixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros
Máximo de 700 caracteres [0]

Receba Nossas Notícias

Receba nossas newsletters

Ao se cadastrar em nossas newsletters, você concorda com os nossos Termos de Uso.

Receba nossas notícias no celular

WhatsApp: As regras de privacidade dos grupos são definidas pelo WhatsApp. Ao entrar, seu número pode ser visto por outros integrantes do grupo.

Comentários [ 0 ]

Máximo 700 caracteres [0]

O conteúdo do comentário é de responsabilidade do autor da mensagem. Consulte a nossa página de Dúvidas Frequentes e Termos de Uso.