i

O Sua Leitura indica o quanto você está informado sobre um determinado assunto de acordo com a profundidade e contextualização dos conteúdos que você lê. Nosso time de editores credita 20, 40, 60, 80 ou 100 pontos a cada conteúdo – aqueles que mais ajudam na compreensão do momento do país recebem mais pontos. Ao longo do tempo, essa pontuação vai sendo reduzida, já que conteúdos mais novos tendem a ser também mais relevantes na compreensão do noticiário. Assim, a sua pontuação nesse sistema é dinâmica: aumenta quando você lê e diminui quando você deixa de se informar. Neste momento a pontuação está sendo feita somente em conteúdos relacionados ao governo federal.

Fechar
A matéria que você está lendo agora+0
Informação faz parte do exercício da cidadania. Aqui você vê quanto está bem informado sobre o que acontece no governo federal.
Que tal saber mais sobre esse assunto?
Coluna do leitor

Mensalão 1

  • Porleitor@gazetadopovo.com.br
  • 15/09/2013 13:24

641 e-mails foram recebidos pela Gazeta do Povo entre os dias 6 e 12 de setembro.

Temas mais comentados

• Mensalão: 34

• Liberdade de expressão: 31

• Espionagem: 28

"A pizza está indo para o forno e, caso haja a absolvição desses corruptos, ficará provado, mais uma vez, que neste país o crime compensa."

Luiz Dias

"Censurar os meios de comunicação que exercitam o seu papel social é um lamentável gesto de cumplicidade com o silêncio das ditaduras."

Wagner R. D’Angelis

"Ninguém é bobo a ponto de pensar que uma potência como os EUA não tenha seus alvos favoritos. Espionam tudo e todos no planeta."

Maria Stephan

Embargos infringentes, embargos de declaração, direito a apelação pela Convenção dos Países Americanos, direito a novo julgamento: tudo isso para os acusados de envolvimento no mensalão. E se fosse o caso de alguém que houvesse sido preso e condenado pelo roubo de uma galinha, roubo esse com o intuito de matar a fome? Todos esses direitos proporcionados aos acusados no mensalão também valeriam e seriam aplicados?

Carlos Eduardo Wendler, empresário

Mensalão 2

No Brasil tudo parece feito para levar a um segundo, terceiro julgamento, acatando recursos e mais recursos, demandando tempo e dinheiro para uma ação dessa envergadura, em que os nobres figurantes extorquiram dinheiro público durante anos. Parece-me que é uma forma de, aos poucos, ir abrandando as penas inicialmente impostas e com provas, para finalizar com uma punição de um simples puxão de orelhas nos meliantes. Dá vergonha do sistema jurídico do Brasil.

Dionisio Francisco Grabowski

Mensalão 3

Parece que, após a sua indicação, o ministro Luís Roberto Barroso esqueceu-se de que todo o poder emana do povo, o que significa dizer que, embora não o exerça diretamente, tem e demonstra seus anseios. Julgar dissociado dos conceitos e valores éticos e morais do povo brasileiro é inaceitável, pois é exatamente essa multidão, para a qual o ministro não dá nenhuma importância, que o remunera no exercício de suas funções. Lamentável que esteja a serviço da gangue do mensalão.

Sebastião Antunes Telles Sobrinho

Mensalão 4

Saber que nossos representantes se valem de falcatruas para beneficiar seus colegas realmente me causa indignação! Milhares de reais gastos com esse julgamento, fora o tempo precioso de que os veículos de comunicação precisam dispor para nos mostrar cenas teatrais que só servem para nos enrolar, deixam-me triste. Como administrador e professor de faculdade, faço a minha parte alertando os meus; porém, é como jogar uma estrela do mar de volta ao oceano.

Salder Bergamo

Mensalão 5

Não acredito que Celso de Mello, o mais respeitado dos ministros do Supremo Tribunal Federal, depois de demonstrar durante meses a sua indignação com os mensaleiros, principalmente no que se refere ao crime de formação de quadrilha, permita com seu voto um novo julgamento daqueles maus brasileiros. Ele sabe que somente com a punição imediata dos corruptos o STF continuará a ser o único órgão entre os três poderes da República respeitado pela sociedade brasileira.

Cristóvão Lemos

Oscips

Esse ministro do Trabalho está se fingindo de bobo – ou é, mesmo, pois, com raríssimas exceções, essas Oscips (Gazeta, 13/9) não recolhem devidamente tributos e INSS, ou superfaturam os trabalhos, como é o caso agora. O governo deveria acabar com essa roubalheira, criada no governo FHC, para burlar a Lei de Responsabilidade Fiscal, com contratação de funcionários.

Hermes Carlos Bollmann

CPI do Transporte Coletivo

Nasci em Guarapuava e morei em Paranaguá boa parte da minha vida, mas já moro em Curitiba há sete anos e nunca imaginei que haveria uma CPI do Transporte Coletivo. Os relatores estão fazendo um bom trabalho e colocando o sistema de transporte na linha. A esperança é de que, quando a CPI chegar ao ponto final, a viagem seja tranquila e satisfatória. Tenho impressão de que a política local é bem melhor que a nacional.

Waldomiro Tarcisio Padilha de Oliveira

Posto de combustíveis

O que impede a divulgação dos postos e das pessoas presas por irregularidades (Gazeta, 12/9)? Se estão fora da lei, a população tem o direito de saber quem são, e as autoridades, a obrigação de informar. Não é a primeira vez que acontece de postos serem lacrados e pessoas presas, e os responsáveis pela operação se negarem a informar quem são. Existe algo a esconder, fora o nome dos postos e os envolvidos?

Luiz Dias

Médicos estrangeiros

Sobre a matéria "Justiça obriga Conselhos a registrar estrangeiros" (Gazeta, 13/9), a Justiça considerou mais danosa à população a falta de médicos do que necessária a comprovação de que se tratam realmente de médicos. Nunca vi tanta incoerência em uma decisão. O Revalida está aí justamente para comprovar se são ou não realmente médicos. Juiz algum tem competência para isso, além dos procedimentos adotados pelos Conselhos de Medicina que os fundamentem.

Cesar Scigliano

Paraná

Lamentável que o Brasil não conheça o Paraná, o maior produtor de grãos do país, que tem o segundo maior porto nacional, a maior usina hidrelétrica do mundo, uma linha férrea construída com mais de 100 anos em pleno funcionamento em meio à maior área preservada de Mata Atlântica do país e que tem na sua formação étnica mais de 180 nações, sem contar as suas férteis terras e riquezas naturais. Desinformados!

Roque Guerreiro

Ferrovia

A ANTT está colocando em edital de concorrência o leilão do trecho de ramal ferroviário entre Lapa e Paranaguá. Ao que consta, será mantido o traçado atual, passando por dentro da zona urbana. Não é racional que o novo traçado continue passando por dentro das cidades com trens de carga de alta velocidade. É incrível como prefeituras, Ippucs e governos não tenham capacidade nem sequer para consultar a população e fazer um projeto que atenda à nossa segurança e que não seja tão agressivo ao meio ambiente.

Lenita Cassiano de Oliveira, ambientalista

BR-116

Passo todos os dias pelas obras da BR-116 e a construtora não vai conseguir liberar 100% da obra em setembro, como foi anunciado. Na verdade, acredito que não será liberada nem metade da obra, com um estreitamento de pista ridículo, a mais ou menos 900 metros da ponte entre a divisa de municípios. Quero saber quando nosso pesadelo vai acabar de vez. Será que vão apenas mudar o problema de lugar?

Ednei Pontes dos Santos

Consciência ecológica

Uma das crises mais importantes para o destino da humanidade é a crise ecológica. Os cientistas afirmam que em 50 anos a temperatura média subirá em seis graus centígrados. Isso vai significar a extinção de mais da metade das espécies hoje existentes. Autoridades ecológicas afirmam que, em alguns anos, o nível do mar subirá meio metro, inundando cidades e outras áreas.

Paulo Roberto Girão Lessa, Fortaleza – CE

Saúde

No mesmo dia que a presidente Dillma diz na imprensa frases de repúdio às pessoas contrárias ao programa Mais Médicos sem o exame Revalida, reportagens mostram que o SUS não tem seringas descartáveis para distribuir aos portadores de diabetes e que necessitam de doses diárias de insulina. A portaria determina que seringas descartáveis devam ser reutilizadas até oito vezes. Será que o governo tem noção das consequências? Todos sabem que à população carente falta tudo, inclusive noções de higiene pessoal, imagine de desinfecção de seringas.

Beatriz Campos, São Paulo – SP

Economia

A dívida pública onerosa em seu valor bruto continuará a crescer. Novas manobras serão conhecidas para manter a inflação oficial em torno dos 6,5% anuais. A Petrobras e a Eletrobras continuarão com seus problemas. Mudanças mesmo somente poderão ser possíveis em 2015, depois de conhecido o novo governo. Os precavidos precisarão eliminar dívidas a serem pagas em 2015, antecipando-as ou postergando-as. Tudo indica que será um ano extremamente difícil.

Helio Mazzolli, Criciúma – SC

Cassação

O Congresso é um ninho de raposas felpudas, como diria um deles bem conhecido. No caso da não cassação do deputado Natan Donadon, eles demonstraram que naquela Casa todos são unidos e corporativistas.

Mauro Pedro Ribeiro de Castro

Aposentadoria

O pedido de aposentadoria de José Genoino é brincadeira! Se, a cada cirurgia qualquer, o cidadão comum que for condenado a algum tipo de pena for requerer aposentadoria, então teremos mais aposentados que qualquer outro país do mundo; afinal, se serve para um, serve pra todos. Esse tipo de fuga só poderia acontecer no Brasil.

Luciano Atamanzuck

Educação

O povo que sai às ruas exigir seus direitos não pode ao mesmo tempo reclamar do trânsito e estacionar em locais proibidos, jogar lixo nas ruas, desrespeitar o próximo. Se não for assim, como poderemos exigir que os políticos sejam corretos? Como dizem, o povo tem o governo que merece.

Andre Siewert

História

O paranaense em si é tímido, acomodado e autofágico. Meu esposo, o ensaísta, poeta e romancista paranaense Noel Nascimento, autor de livros como o premiado Arcabuzes, morreu em 23 de junho e, pasmem, nem seus confrades da Academia Paranaense de Letras fizeram alguma menção a tal perda para a cultura do Paraná. Chegamos ao ápice da meia-noite em todos os segmentos da nossa sociedade. Da rodoviária ao aeroporto, nada funciona.

Beatriz Leme Gonçalves Nascimento

José Dirceu

Negando os crimes pelos quais é acusado e dando-se ares de vítima da inveja da elite brasileira, que "não se conforma com a liderança de Lula no mundo e a vitória de Dilma", Dirceu se coloca no centro do universo político brasileiro. É um narcisista incurável esse chefe de quadrilha e mensaleiro, que "apenas" tentou dar um golpe contra a democracia na tentativa de eternizar o PT no poder através de métodos pouco ortodoxos. Tire o dedo do próprio umbigo, Dirceu, e prepare-se para aprender a cozinhar, pois em lavagem você já é expert.

Mara Montezuma Assaf

Segurança

Governador, Pontal do Paraná também é no Paraná, e por lá segurança é algo que não existe. Casas são roubadas e nada é feito. Precisamos lembrar que também somos eleitores e que também pagamos impostos pesadíssimos?

Edson Luiz Ferrari

* * * * *

As mensagens devem ser enviadas à Redação com identificação do autor, endereço e telefone. Em razão de espaço ou compreensão, os textos podem ser resumidos ou editados. O jornal se reserva, ainda, o direito de publicar ou não as colaborações.Rua Pedro Ivo, 459 - Centro - Curitiba, PR - CEP 80010-020 - Tel.: (41) 3321-5999 - Fax: (41) 3321-5472.

Deixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros
Máximo de 700 caracteres [0]

Receba Nossas Notícias

Receba nossas newsletters

Ao se cadastrar em nossas newsletters, você concorda com os nossos Termos de Uso.

Receba nossas notícias no celular

WhatsApp: As regras de privacidade dos grupos são definidas pelo WhatsApp. Ao entrar, seu número pode ser visto por outros integrantes do grupo.

Comentários [ 0 ]

O conteúdo do comentário é de responsabilidade do autor da mensagem. Consulte a nossa página de Dúvidas Frequentes e Política de Privacidade.