• 12/08/2019 16:28
No Paraná

Oposição falta à homenagem a Damares: “Ninguém é obrigado a gostar de mim”, diz ministra

  • 12/08/2019 16:28
  • PorRoger Pereira
    A ministra dos Direitos Humanos, Damares Alves, esteve em Curitiba nesta segunda (12).
    A ministra dos Direitos Humanos, Damares Alves, esteve em Curitiba nesta segunda (12).| Foto: Albari Rosa/ Gazeta do Povo

    A ministra da Mulher, da Família e dos Direitos Humanos, Damares Alves, recebeu nesta segunda-feira (12) o título de Cidadania Benemérita do Paraná. Na cerimônia na Assembleia Legislativa, em Curitiba, somente um deputado da oposição estava presente, Tadeu Veneri (PT). Ele falou ao plenário que entende o motivo da vinda da ministra, mas que não podia concordar com uma homenagem a quem está “acabando com a Comissão da Verdade” e que por isso estava se retirando da sessão.

    Ele saiu sob vaias. Deputados aliados à ministra, como Ricardo Arruda (PSL) e Delegado Francischini (do PSL, autor da homenagem), criticaram a atitude do deputado petista. A ministra também comentou: “É um direito dele. Ninguém é obrigado a gostar de mim”.

    Tudo sobre:

    Comentários [ 0 ]

    Máximo 700 caracteres [0]

    O conteúdo do comentário é de responsabilidade do autor da mensagem. Consulte a nossa página de Dúvidas Frequentes e Termos de Uso.