i

O Sua Leitura indica o quanto você está informado sobre um determinado assunto de acordo com a profundidade e contextualização dos conteúdos que você lê. Nosso time de editores credita 20, 40, 60, 80 ou 100 pontos a cada conteúdo – aqueles que mais ajudam na compreensão do momento do país recebem mais pontos. Ao longo do tempo, essa pontuação vai sendo reduzida, já que conteúdos mais novos tendem a ser também mais relevantes na compreensão do noticiário. Assim, a sua pontuação nesse sistema é dinâmica: aumenta quando você lê e diminui quando você deixa de se informar. Neste momento a pontuação está sendo feita somente em conteúdos relacionados ao governo federal.

Fechar
A matéria que você está lendo agora+0
Informação faz parte do exercício da cidadania. Aqui você vê quanto está bem informado sobre o que acontece no governo federal.
Que tal saber mais sobre esse assunto?
Obituário

Eloir Ribeiro Trovão: fez da bola uma fábrica de amizades

  • PorMarina Pilato, especial para a Gazeta do Povo
  • 22/11/2020 07:00
Eloir Trovão, obituário
Eloir Trovão foi um dos fundadores do time de futebol do Clube de Pais do Colégio Marista Paranaense| Foto: Divulgação

A vontade de jogar futebol e de agregar pessoas fez com que Eloir Ribeiro Trovão ajudasse a criar organizações e clubes relacionados à bola. O maior deles foi o Clube de Pais do Colégio Marista Paranaense, fundado por ele e pelo professor de Educação Física e amigo de longa data Alfredo Scremin, há 40 anos. Jogador profissional na juventude, durante toda a vida viu o campo como local de conforto e alegria. Trovão faleceu no dia 28 de agosto, aos 72 anos, por Covid-19.

As principais notícias do Paraná em seu WhatsApp

O clube que hoje tem campeonato com 14 times, mais de 300 jogadores, álbum de figurinhas e transmissão ao vivo pelas redes sociais começou como uma forma de manter o vínculo das famílias e dos estudantes com o colégio aos finais de semana, objetivo que se mantém atualmente. Enquanto a criançada brincava ao redor, os pais corriam em busca do gol no gramado.

Pela amizade com o professor Scremin, Trovão foi convidado a participar dos jogos de final de semana mesmo não sendo pai de aluno na época. O diretor do colégio sugeriu como forma de contrapartida à participação dele que Trovão realizasse uma espécie de contribuição social, pagando a mensalidade de um estudante cuja família passava por dificuldades financeiras. Desse modo, o jogador conseguiu participar da organização do clube e o aluno continuou os estudos.

Como profissional, jogou no Bloco Esportivo Morgenau, tradicional clube de Curitiba, e pela Suburbana atuou em vários times de futebol amador, como Tupinambá, Caxias, Ipiranga, Barigui, Internacional de Campo Largo e Orleans. Era um meio-campo/volante que “tinha um trato refinado da bola". "Um cara muito técnico que era mais da classe do que da força”, conta Márcio Gubert de Oliveira, ex-presidente do Clube, em cuja gestão Trovão foi tesoureiro.

Economista com especializações no exterior, trabalhou a maior parte da carreira no Banco Bamerindus. Como não poderia deixar de ser, ajudou a organizar campeonatos de futebol entre os funcionários do banco no Brasil todo. Mais tarde, participou da fundação da cooperativa de crédito Coopesf, onde atuava como diretor.

Em 2019, o Clube de Pais promoveu a Super Copa Estrelas, em que cada time homenageava um dos primeiros jogadores da história do Clube. Desse modo, entrou em campo o time “Trovões”, com direito a escudo que estampava a caricatura do homenageado rodeada por pequenos trovões.

Dono de uma personalidade extremamente alegre e de espírito e corpo ativos – caminhava, corria, pedalava, surfava com os netos, a quem chamava de “netaços” em Guaratuba – , chegava nas rodas de amigos com sua expressão característica: “Alô você, neném”. Com esse bordão e uma energia contagiante, agregava todos ao redor. Após os jogos de sábado, era sagrada a chamada “Resenha do Tatu”, reunião entre os jogadores no Bar do Tatu para assar carne, tomar cerveja e conversar sobre o desempenho em campo. Comedido e nada dado a excessos, Trovão adorava passar a tarde com sua dose de uísque ou seu gin tônica papeando sobre futebol.

Era atleta do Campeonato Sessentinha, que reúne os craques com mais de 60 anos, e como participante de campeonatos de futebol amador desfilou seu futebol pelo mundo. Viajou para Portugal, Espanha, Cancún, entre outros lugares, com o time. Sobre o tradicional campeonato do Clube de Pais, que ele ajudou a criar e no qual jogam pessoas de 18 a 75 anos, Trovão dizia que “[o campeonato] te dá estímulo para ser um velho jovem”.

Eloir Trovão deixa esposa, filha, genro e dois netos.

2 COMENTÁRIOSDeixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros
Máximo de 700 caracteres [0]

Receba Nossas Notícias

Receba nossas newsletters

Ao se cadastrar em nossas newsletters, você concorda com os nossos Termos de Uso.

Receba nossas notícias no celular

WhatsApp: As regras de privacidade dos grupos são definidas pelo WhatsApp. Ao entrar, seu número pode ser visto por outros integrantes do grupo.

Comentários [ 2 ]

Máximo 700 caracteres [0]

O conteúdo do comentário é de responsabilidade do autor da mensagem. Consulte a nossa página de Dúvidas Frequentes e Termos de Uso.

  • S

    Sr. Walker

    ± 0 minutos

    Bem, o céu agora tem um grande organizador de jogos de futebol do bom.

    Denunciar abuso

    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

    Qual é o problema nesse comentário?

    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

    Confira os Termos de Uso

    • Máximo 700 caracteres [0]

  • G

    GEORGE RODOLFO DA COSTA PEREIRA

    22/11/2020 10:57:32

    Realmente o Eloir foi tudo isso e mais um pouco. Grande colega, profissional r amigo. Seu falecimento deixou todos os seus ex colegas de Bamerindus muito triste. Era uma cara que todo mundo amava. Velho amigo George Pereira

    Denunciar abuso

    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

    Qual é o problema nesse comentário?

    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

    Confira os Termos de Uso

    • Máximo 700 caracteres [0]