i

O Sua Leitura indica o quanto você está informado sobre um determinado assunto de acordo com a profundidade e contextualização dos conteúdos que você lê. Nosso time de editores credita 20, 40, 60, 80 ou 100 pontos a cada conteúdo – aqueles que mais ajudam na compreensão do momento do país recebem mais pontos. Ao longo do tempo, essa pontuação vai sendo reduzida, já que conteúdos mais novos tendem a ser também mais relevantes na compreensão do noticiário. Assim, a sua pontuação nesse sistema é dinâmica: aumenta quando você lê e diminui quando você deixa de se informar. Neste momento a pontuação está sendo feita somente em conteúdos relacionados ao governo federal.

Fechar
A matéria que você está lendo agora+0
Informação faz parte do exercício da cidadania. Aqui você vê quanto está bem informado sobre o que acontece no governo federal.
Que tal saber mais sobre esse assunto?
Legislativo e Judiciário

Com salários mais altos e reajustes em dia, poderes elevam despesa com pessoal

  • PorJoão Frey
  • Brasília
  • 25/06/2019 19:29
Bandeiras do Paraná e do Brasil em frente à Alep
TJ, MP e TCE encaminharam pedido de reajuste dos servidores para a Assembleia Legislativa| Foto: André Rodrigues/Gazeta do Povo

A principal pedra no sapato dos governadores do Paraná tem sido o pagamento da data-base dos servidores públicos estaduais. Beto Richa (PSDB), Cida Borghetti (PP) e Carlos Massa Ratinho Junior (PSD) tiveram que suspender o reajuste anual previsto em lei para segurar a expansão das despesas com pessoal do estado. Com isso, o Palácio Iguaçu alimenta uma animosidade contínua com os servidores do Executivo – onde o salário médio, de acordo com dados de 2018, é de R$ 5,4 mil.

Apesar do custo político, a medida ajudou a deixar em patamares responsáveis o crescimento da folha salarial. Nos outros poderes, entretanto, os gastos com pessoal não foram contidos da mesma forma [confira o gráfico abaixo] e seguem crescendo numa taxa maior do que a capacidade de arrecadação do estado.

O não pagamento do reajuste começou em 2016, quando a Receita Corrente Líquida (RCL) do estado, que entre 2007 e 2015 teve crescimento nominal de, em média, 13% ao ano, passou a crescer apenas 5,7%. Com isso, descontada a inflação, a RCL ficou estagnada em 2016, teve um leve crescimento em 2017 e caiu em 2018.

Com menos dinheiro, o governo agiu para reduzir a folha de pagamento. A Despesa Total com Pessoal (DTP) do Poder Executivo que vinha crescendo, em média, 13% entre 2007 e 2015, caiu para um crescimento médio de 4,3% após 2016. Ou seja, o governo conseguiu pisar no freio e fazer com que a folha não encarecesse numa taxa maior que a do crescimento da arrecadação – o receituário básico da responsabilidade fiscal.

Os chefes dos outros poderes não foram pelo mesmo caminho. Um levantamento feito com base nos Relatórios de Gestão Fiscal do Tribunal de Justiça, do Ministério Público, da Assembleia Legislativa e do Tribunal de Contas mostra que, após a crise de arrecadação acentuada em 2016, essas instituições não adequaram suas folhas de pagamento à situação fiscal do estado.

Legislativo

Pela Lei de Diretrizes Orçamentárias vigente, o Poder Legislativo tem direito a 5% das receitas do estado, sendo 3,1% para a Assembleia Legislativa e 1,9% para o Tribunal de Contas. Diante da dificuldade de arrecadação alguns deputados até chegaram a discutir a redução desses repasses para que mais dinheiro ficasse com o governo. A ideia, entretanto, não prosperou nem parece ter havido esforço administrativo da Alep ou do TCE para adequar o gasto com pessoal à realidade fiscal do estado.

Enquanto a Receita Corrente Líquida cresceu em média 5,7% entre 2016 e 2018, o gasto com pessoal na Assembleia expandiu a uma taxa anual média de 10,5%. Durante o mesmo período, a Despesa Total de Pessoal do Tribunal de Contas cresceu, em média, 16,4% ao ano. Nas duas instituições, os salários médios são mais altos que no Executivo: R$ 10,1 mil na Alep; e R$ 22,6 mil no TCE.

Judiciário

No Judiciário, cujo orçamento é composto por 9,5% da receita do estado, o gasto com pessoal também tem crescido acima da receita nos últimos anos – ainda que essa expansão venha sendo contida anualmente. Entre 2016 e 2018, a Despesa Total com Pessoal cresceu em média 8,8% ao ano, frente aos já citados 5,7% da Receita Corrente Líquida.

Com isso o Tribunal de Justiça do Paraná tem estado cada vez mais perto de atingir seu limite de despesa com pessoal estabelecido pela Lei de Responsabilidade Fiscal, que equivale a 6% da Receita Corrente Líquida. Em 2007, a taxa de gasto com pessoal era de 3,8%; subindo amiúde fechou 2018 em 4,97%. A média salarial no TJ-PR é de R$ 11 mil, de acordo com dados do governo publicados em 2018.

Já no Ministério Público, onde o salário médio é de R$ 18,1 mil, a Despesa Total com Pessoal subiu em média 7% ao ano desde 2016 – também acima da capacidade de arrecadação.

Implicações políticas

Essa evidente diferença de realidade a que o ex-secretário da Fazenda Mauro Ricardo Costa chamou de “ilhas de prosperidade em um mar de dificuldades” tem sido um aspecto relevante nos recentes debates políticos sobre o reajuste salarial.

Para tentar diminuir a quantidade de dinheiro que sai do caixa do Executivo para os outros poderes, o governador Ratinho Junior encaminhou no Projeto de Lei de Diretrizes Orçamentárias de 2020 a retirada do Fundo de Participação do Estados da base de cálculo para o repasse. A medida poderia gerar uma economia de cerca R$ 500 milhões para o Executivo. Entretanto, após manifestações contrárias do presidente do TJ-PR e articulações contrárias à proposta também na Assembleia, o projeto do governo tem poucas chances de prosperar.

As diferenças que se acentuaram nos últimos anos também têm ensejado outro movimento que defende que, no caso de não haver reajuste para o Executivo, os outros poderes também não tenham. Tribunal de Justiça, Ministério Público e Tribunal de Contas já apresentaram pedidos à Assembleia para reajuste de 4,94%, mas há deputados que defendem a derrubada do pedido. O próprio presidente da Casa, Ademar Traiano (PSDB), defende que, sem aumento para o Executivo, também deve-se adotar reajuste zero para os outros servidores.

33 COMENTÁRIOSDeixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros
Máximo de 700 caracteres [0]

Receba Nossas Notícias

Receba nossas newsletters

Ao se cadastrar em nossas newsletters, você concorda com os nossos Termos de Uso.

Receba nossas notícias no celular

WhatsApp: As regras de privacidade dos grupos são definidas pelo WhatsApp. Ao entrar, seu número pode ser visto por outros integrantes do grupo.

Comentários [ 33 ]

Máximo 700 caracteres [0]

O conteúdo do comentário é de responsabilidade do autor da mensagem. Consulte a nossa página de Dúvidas Frequentes e Termos de Uso.

  • J

    julio marcos Correia

    ± 1 horas

    Blá Blá Blá Blá Blá Blá Pague o que é de lei...

    Denunciar abuso

    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

    Qual é o problema nesse comentário?

    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

    Confira os Termos de Uso

    • Máximo 700 caracteres [0]

  • L

    luiz

    ± 2 horas

    Se o legislativo faz o que determina a constituição, muito bem, porque ela veda a redução do salário pelo patrão. Ao não fazer a reposição da inflação o governo está sim reduzindo os salários dos servidores. Mais cedo ou mais tarde a justiça vai reparar essa violência contra os funcionários do executivo, e sabem porque a justiça vai fazer isso? Simples porque essa conduta pode inspirar os chefes de outros poderes a fazer o mesmo.

    Denunciar abuso

    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

    Qual é o problema nesse comentário?

    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

    Confira os Termos de Uso

    • Máximo 700 caracteres [0]

  • J

    JULIANO RIBAS DEA

    ± 4 horas

    Chamem o TCE que tudo se resolve! Não, pera

    Denunciar abuso

    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

    Qual é o problema nesse comentário?

    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

    Confira os Termos de Uso

    • Máximo 700 caracteres [0]

  • J

    JOSE DE PAULA

    ± 5 horas

    BETO RICHA ACABOU COM O DINHEIRO DA PREVIDENCIA DOS SERVIDORES DO ESTADO........LOGO TDO ISSO ERA PRA MOSTRAR QUE O PARANÁ ESTAVA BEM FINANCEIRAMENTE...RATINHO SABIA DE TDO ISSO E AGORA COMO GOVERNADOR .NÃO PODE SER SURPRESA PRA ELE AS DIFICULDADES ECONOMICAS DO PARANÁ.JA SABIA ISSO TDO E MUITO MAIS.

    Denunciar abuso

    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

    Qual é o problema nesse comentário?

    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

    Confira os Termos de Uso

    • Máximo 700 caracteres [0]

  • S

    Sidney

    ± 5 horas

    Quem paga o pato são os do executivo que não tem reposição da inflação a 4 anos !

    Denunciar abuso

    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

    Qual é o problema nesse comentário?

    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

    Confira os Termos de Uso

    1 Respostas
    • A

      A. Dal P. M.

      ± 2 horas

      E são "chão de fábrica" se comparada aos outros servidores mencionados na matéria.

      Denunciar abuso

      A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

      Qual é o problema nesse comentário?

      Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

      Confira os Termos de Uso

    • Máximo 700 caracteres [0]

  • R

    Rafael

    ± 5 horas

    O Poder Executivo tem que terceirizar, não e mais possível o estado bancar um sem número de servidores. Os outros poderes são mais eficientes e precisam de menos servidores. O executivo que faça a lição de casa.

    Denunciar abuso

    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

    Qual é o problema nesse comentário?

    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

    Confira os Termos de Uso

    3 Respostas
    • P

      Pensador

      ± 4 horas

      Rafael, voce precisa estudar um pouco mais.

      Denunciar abuso

      A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

      Qual é o problema nesse comentário?

      Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

      Confira os Termos de Uso

    • P

      paulorobertobuhler

      ± 4 horas

      Se você não é inteligente não comente nada por aqui. Vá estudar.

      Denunciar abuso

      A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

      Qual é o problema nesse comentário?

      Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

      Confira os Termos de Uso

    • J

      JULIANO RIBAS DEA

      ± 4 horas

      "os outros poderes são mais eficientes" kkkkkkkkkk

      Denunciar abuso

      A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

      Qual é o problema nesse comentário?

      Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

      Confira os Termos de Uso

    • Máximo 700 caracteres [0]

  • P

    Paulo Rosario de Lima

    ± 6 horas

    Deve se ter uma reforma sim por exemplo um funcionário comissionado da Assembleia ganha em media 12 à 18 mil por mês tem estacionamento privativo viajam constantemente para exterior e resort's no Br. e um efetivo com nível sup. ganha de 3893+grat. que ficam em torno de 50% do salário sem estacionamento e são 329 contra os mais de 2 mil comissionados e agora quem está quebrando as finanças efetivo ou comissionado?

    Denunciar abuso

    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

    Qual é o problema nesse comentário?

    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

    Confira os Termos de Uso

    • Máximo 700 caracteres [0]

  • K

    Klin

    ± 7 horas

    Tem que haver uma forma de adequar o salário à produtividade. Querem reajuste, mas prestam um serviço de péssima qualidade. Tá na hora de mudar isto. Principalmente no judiciário, **** sem fundos!

    Denunciar abuso

    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

    Qual é o problema nesse comentário?

    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

    Confira os Termos de Uso

    • Máximo 700 caracteres [0]

  • M

    Marcelo Martins

    ± 7 horas

    Os cachorros mais sarnentos e verozes estão no judiciário. Não largam o osso de jeito nenhum!!!!

    Denunciar abuso

    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

    Qual é o problema nesse comentário?

    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

    Confira os Termos de Uso

    • Máximo 700 caracteres [0]

  • P

    Pensador

    ± 8 horas

    Janeiro/2011 até Abril/2019 - Inflação acumulada - 62,01% (INPC); - Reajuste Servidores Executivo - 45,04%; Reajuste Serv. TJ, ALEP, MP, TCE - 60%; - Aumento na Tarifa de água - 150,12%; - Aumento no IPVA - 122,67% ; - Aumento no ICMS - 138,58%.

    Denunciar abuso

    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

    Qual é o problema nesse comentário?

    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

    Confira os Termos de Uso

    4 Respostas
    • P

      Pensador

      ± 4 horas

      Paulo Rosário o reajuste para os funcionários a ALEP de 2011 a 2018 foi de 60%. Sim senhor! Os percentuais estão no site da transparência!

      Denunciar abuso

      A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

      Qual é o problema nesse comentário?

      Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

      Confira os Termos de Uso

    • P

      Pensador

      ± 4 horas

      Do interior, tira dinheiro da cambada de comissionados de cargo alto que colocaram no Estado. Novo governo aumentou o número de cargos de alto valor. Tem muita gente boa no Interior do Estado tirando dinheiro de filhos e esposas para pagar um bando de “não sabe nada!”

      Denunciar abuso

      A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

      Qual é o problema nesse comentário?

      Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

      Confira os Termos de Uso

    • P

      Paulo Rosario de Lima

      ± 6 horas

      om dia eu trabalho na Alep e não tive 60% de reajuste, só se os comissionados tiveram!

      Denunciar abuso

      A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

      Qual é o problema nesse comentário?

      Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

      Confira os Termos de Uso

    • D

      Do Interior

      ± 7 horas

      Fala aí "Pensador" : De onde tirar o dinheiro? Dê você a seu filho ou esposa, dinheiro além do que ganha..

      Denunciar abuso

      A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

      Qual é o problema nesse comentário?

      Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

      Confira os Termos de Uso

    • Máximo 700 caracteres [0]

  • M

    MS

    ± 8 horas

    Frase do Boris Casoy: "Isso é uma vergonha"!

    Denunciar abuso

    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

    Qual é o problema nesse comentário?

    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

    Confira os Termos de Uso

    • Máximo 700 caracteres [0]

  • L

    luciane schier

    ± 9 horas

    O atual governador tem apenas um discurso que a culpa da restrição do orçamento é a folha do executivo e será impossível repor seus salários. Realmente com o número de cargos comissionados cedidos aos amigos , jamais será possível o fechamento desta conta fora do patamar de risco ao orçamento. Porque o governador não extingui estes cargos , na grande maioria inúteis ao andamento do Estado? Mas infelizmente a verdadeira causa é um Estado cheio de casos de corrupção com vertentes de dinheiro fora da máquina pública, e os "pendurados" no governo que ganham salários astronômicos comparados aos concursados que estão reivindicando apenas a reposição da inflação .

    Denunciar abuso

    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

    Qual é o problema nesse comentário?

    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

    Confira os Termos de Uso

    • Máximo 700 caracteres [0]

  • A

    ALESSANDRO OTÁVIO SILTON SAVI

    ± 9 horas

    Vejam que o aumento do gasto e os supersalários são nos cargos comissionados e indicados políticos, como consta no portal da transparência!! è um erro falar no nome dos servidores, mas sim deviam identificar os cabides abonados!!

    Denunciar abuso

    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

    Qual é o problema nesse comentário?

    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

    Confira os Termos de Uso

    • Máximo 700 caracteres [0]

  • M

    Marcelo

    ± 9 horas

    E direito de todos receberem os suas REPOSIÇÕES, mas a reportagem paga quer fazer a população ficar brigando entre si, o executivo deveria tomar vergonha, a anos tratando os funcionários do estado como palhaços, não administra o orçamento bem e agora quer culpar todos os outros que tratam suas finanças com responsabilidade.

    Denunciar abuso

    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

    Qual é o problema nesse comentário?

    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

    Confira os Termos de Uso

    • Máximo 700 caracteres [0]

  • M

    Marcelo

    ± 9 horas

    Como sempre reportagem paga para deixar uns contra os outros, é ridículo mas é a pura verdade.. Sabe aqueles truques de magica daquele circo velho que tinha em bairros, onde o magico enganava criancinhas com truques bestas?? Mas vamos analisar a situação, até começo do ano Ratinho disse(procurem reportagens), o Paraná vem em ordem com as finanças, e que o governo federal tinha que ajudar a todos, mas agora não tem dinheiro (estranho), agora vejamos, os outros poderes estão controlando seus gastos e devolvem dinheiro ao governo todo ano, porque administram bem suas contas, o Executivo mesmo com aumento de impostos não consegue acertar porque não tomo medidas (corte de comissionados etc).

    Denunciar abuso

    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

    Qual é o problema nesse comentário?

    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

    Confira os Termos de Uso

    • Máximo 700 caracteres [0]

  • A

    Alvaro

    ± 9 horas

    O que se pode esperar de um estado que é o terceiro mais corrupto do país? E se o Executivo é que gera impostos, porque não contingencia o orçamento e o repasse a esses podres poderes?

    Denunciar abuso

    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

    Qual é o problema nesse comentário?

    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

    Confira os Termos de Uso

    • Máximo 700 caracteres [0]

  • A

    APJr

    ± 17 horas

    Precisamos reduzir o tamanho do Estado nos três poderes ! Precisamos aumentar a eficiência estatal ! Precisamos aliviar o peso do Estado das costas do povo ! Povo não é escravo de funcionário público ! Precisamos diminuir as mordomias e privilégios do funcionalismo ! Precisamos acabar com a estabilidade do funcionalismo e implantar a meritocracia !

    Denunciar abuso

    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

    Qual é o problema nesse comentário?

    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

    Confira os Termos de Uso

    2 Respostas
    • I

      Isabel

      ± 3 horas

      JR: sim, de preferencia!

      Denunciar abuso

      A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

      Qual é o problema nesse comentário?

      Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

      Confira os Termos de Uso

    • J

      JR

      ± 10 horas

      Precisamos acabar com concursos publicos tb?

      Denunciar abuso

      A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

      Qual é o problema nesse comentário?

      Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

      Confira os Termos de Uso

    • Máximo 700 caracteres [0]

  • F

    Freitas

    ± 18 horas

    Pura puhtaria. Se não tem reajuste, todos têm que ser atingidos. Uma vergonha essa divisão orçamentária.

    Denunciar abuso

    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

    Qual é o problema nesse comentário?

    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

    Confira os Termos de Uso

    • Máximo 700 caracteres [0]

  • P

    Pensador

    ± 18 horas

    Como se pode falar em não ter recursos para repor inflação aos salários de servidores do executivo, congelados a 4 anos, se todo ano é dado reajuste aos altos salários do Legislativo e Judiciário. Se não têm dinheiro para repor inflação no salário dos servidores, como podem encher o Estado de Cargos Comissionados. Tem Secretarias como a da Justiça e Família, e a do Planejamento, onde falta cadeira para tantos comissionados novos que foram contratados.

    Denunciar abuso

    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

    Qual é o problema nesse comentário?

    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

    Confira os Termos de Uso

    3 Respostas
    • P

      Pensador

      ± 8 horas

      Fake STF, servidor público tem estabilidade mas não tem FGTS. Essa história de capataz e patrão, de que é melhor não ter reposição de inflação do que perder o emprego acaba em gente passando necessidade. Diferente de você e os cargos comissionados com altos salários, muitos policiais, enfermeiras e atendentes de escolas, tem salários baixos e família para sustentar. Cada ano que passa a inflação tira a comida da mesa.

      Denunciar abuso

      A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

      Qual é o problema nesse comentário?

      Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

      Confira os Termos de Uso

    • S

      STF

      ± 9 horas

      Melhor do que perder emprego né amigo?!

      Denunciar abuso

      A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

      Qual é o problema nesse comentário?

      Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

      Confira os Termos de Uso

    • P

      Pensador

      ± 18 horas

      “Congelados há 4 anos”

      Denunciar abuso

      A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

      Qual é o problema nesse comentário?

      Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

      Confira os Termos de Uso

    • Máximo 700 caracteres [0]

  • P

    Pensador

    ± 18 horas

    Governo Richa/Cida/Ratinho- Janeiro/2011 até Abril/2019 - Inflação acumulada - 62,01% (INPC); - Reajuste Servidores Executivo - 45,04%; Reajuste Serv. TJ, ALEP, MP, TCE - 60%; - Aumento na Tarifa de água - 150,12%; - Aumento no IPVA - 122,67% ; - Aumento no ICMS - 138,58%.

    Denunciar abuso

    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

    Qual é o problema nesse comentário?

    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

    Confira os Termos de Uso

    • Máximo 700 caracteres [0]

Fim dos comentários.