i

O Sua Leitura indica o quanto você está informado sobre um determinado assunto de acordo com a profundidade e contextualização dos conteúdos que você lê. Nosso time de editores credita 20, 40, 60, 80 ou 100 pontos a cada conteúdo – aqueles que mais ajudam na compreensão do momento do país recebem mais pontos. Ao longo do tempo, essa pontuação vai sendo reduzida, já que conteúdos mais novos tendem a ser também mais relevantes na compreensão do noticiário. Assim, a sua pontuação nesse sistema é dinâmica: aumenta quando você lê e diminui quando você deixa de se informar. Neste momento a pontuação está sendo feita somente em conteúdos relacionados ao governo federal.

Fechar
A matéria que você está lendo agora+0
Informação faz parte do exercício da cidadania. Aqui você vê quanto está bem informado sobre o que acontece no governo federal.
Que tal saber mais sobre esse assunto?
Educação

Maior e com teste de fluência de leitura: 2ª edição da Prova Paraná é nesta terça

  • PorCélio Yano
  • 10/06/2019 17:50
Resultados da Prova Paraná apoiam professores e equipes gestoras e pedagógicas na organização de ações e estratégias que contribuam para a aprendizagem dos estudantes.
Resultados da Prova Paraná apoiam professores e equipes gestoras e pedagógicas na organização de ações e estratégias que contribuam para a aprendizagem dos estudantes.| Foto: Jonas Oliveira/AENPr

Escolas estaduais e municipais do Paraná aplicam nesta terça-feira (11) a segunda edição da Prova Paraná, que pretende fornecer ao estado informações sobre o grau de aprendizado dos alunos dos níveis fundamental e médio. Iniciativa da Secretaria de Estado da Educação e do Esporte do Paraná (Seed), a avaliação foi criada para mostrar o nível de apropriação de conteúdos e habilidades considerados essenciais para cada etapa de ensino.

Os resultados devem ser utilizados para apoiar professores e equipes gestoras e pedagógicas na organização de ações e estratégias que contribuam para a aprendizagem dos estudantes. “Com os resultados da segunda etapa, já podemos acompanhar a evolução individualizada por escola e por aluno”, diz o superintendente da Seed, Raph Gomes Alves.

Em relação à primeira edição, o processo de avaliação dessa vez será aplicado para mais turmas e contará com uma prova de fluência em leitura, voltada a estudantes do segundo ano do ensino fundamental, em fase de alfabetização. Outra novidade é o aplicativo Corrige, ferramenta que permitirá que professores façam a correção das provas em poucos segundos pelo celular.

A primeira prova, realizada em março, foi respondida por 434.886 alunos da rede estadual e 98.926 das redes municipais de ensino. Com 20 questões de Língua Portuguesa e 20 de Matemática, a avaliação foi aplicada a alunos do 5º, 6º e 9º anos do ensino fundamental e das 1ª e 3ª séries do ensino médio. Os resultados apontaram para problemas maiores de aprendizado no nível médio.

Desta segunda edição, todas as turmas do segundo ciclo do ensino fundamental e do ensino médio participarão. A previsão é de que cerca de 1,2 milhão de estudantes façam a prova em 398 municípios do estado – Curitiba é a única cidade paranaense que não aderiu à Prova Paraná por ter um sistema próprio de avaliação.

“A partir do resultado da primeira prova, notamos uma movimentação entre as escolas no sentido de preparação para a próxima etapa”, conta Alves. “De aulas de reforço e formação de grupos de estudo à retomada de conteúdos essenciais em que se percebia mais dificuldade”, exemplifica.

Por isso, a expectativa do superintendente da Seed é de que os resultados da segunda edição da Prova Paraná já apresentem alguma evolução no nível de aprendizagem dos alunos. “Grandes evoluções virão com o tempo, mas algum avanço certamente vai haver”, afirma.

Os resultados dessa segunda prova devem ser divulgados no mês de julho. A terceira edição do Prova Paraná está prevista para o mês de setembro e deve incluir, além das provas de Língua Portuguesa e Matemática, questões de Ciências da Natureza e Ciências Humanas. Para o ano que vem, a Seed tem a intenção de incluir também as séries iniciais do ensino fundamental.

Erro em 11 de 20 questões

Após a impressão das provas da segunda edição da Prova Paraná, a Seed precisou emitir uma errata com alterações em 11 das 20 questões de Língua Portuguesa. Apesar da quantidade de correções, o superintendente da Seed explica que os erros são de ordem técnica. “Foi um problema de diagramação das questões”, diz. “O estudante teria de observar uma palavra na linha 10 do texto, mas, com a diagramação, foi para a linha 13”, exemplifica.

Segundo ele, a reimpressão de todas as provas seria muito dispendiosa, o que obrigou a pasta a emitir a errata. Todas as escolas foram orientadas a colocar as alterações no quadro para os estudantes que farão a prova. “Não é o ideal, mas infelizmente aconteceu”, lamenta Alves.

Deixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros
Máximo de 700 caracteres [0]

Receba Nossas Notícias

Receba nossas newsletters

Ao se cadastrar em nossas newsletters, você concorda com os nossos Termos de Uso.

Receba nossas notícias no celular

WhatsApp: As regras de privacidade dos grupos são definidas pelo WhatsApp. Ao entrar, seu número pode ser visto por outros integrantes do grupo.

Comentários [ 0 ]

O conteúdo do comentário é de responsabilidade do autor da mensagem. Consulte a nossa página de Dúvidas Frequentes e Política de Privacidade.