• 02/03/2020 20:06
Interlocução

Alcolumbre diz a Bolsonaro que não irá tolerar mais ataques ao Congresso

  • 02/03/2020 20:06
    • Estadão Conteúdo
    Davi Alcolumbre
    O presidente do Senado, Davi Alcolumbre| Foto: Marcos Oliveira/Agência Senado

    Em uma reunião de mais de uma hora com o presidente Jair Bolsonaro nesta segunda-feira (2), o presidente do Senado, Davi Alcolumbre (DEM-AP), colocou na mesa a insatisfação do Legislativo com as falas e atitudes de integrantes do governo em apoio a manifestações contra Câmara e Senado. Segundo interlocutores, o senador avisou ao presidente que não vai mais tolerar ataques ao Congresso, mas afirmou que para ele o assunto está superado. Até agora, Alcolumbre havia sido um dos poucos políticos que não fez comentários públicos sobre a crise que teve seu ápice com a declaração do ministro da Segurança Institucional, general Augusto Heleno, de que o Congresso chantageia o Executivo ao votar matérias apenas em troca de recursos. Segundo interlocutores, o senador pediu andamento às pautas econômicas e afirmou que o Congresso sempre esteve de portas abertas para um bom convívio com o Executivo. A questão dos vetos ao orçamento impositivo não foi tratada com detalhes no encontro no Palácio do Planalto.

    Tudo sobre:

    Comentários [ 0 ]

    O conteúdo do comentário é de responsabilidade do autor da mensagem. Consulte a nossa página de Dúvidas Frequentes e Política de Privacidade.