• 14/05/2020 16:55
Dinheiro em circulação

BC antecipa impressão de R$ 9 bilhões para viabilizar auxílio emergencial

  • 14/05/2020 16:55
    • Gazeta do Povo
    Impressão de cédulas na Casa da Moeda.
    Impressão de cédulas na Casa da Moeda.| Foto: Divulgação/Casa da Moeda

    O Banco Central antecipou para este mês pedido de produção de cédulas, no valor de R$ 9 bilhões, para a Casa da Moeda. A impressão já estava prevista na programação anual, mas a antecipação foi necessária para evitar a falta de cédulas. Segundo informação da Agência Brasil, desde o início da pandemia de Covid-19, o BC observou o chamado entesouramento, quando as pessoas guardam dinheiro em vez de colocá-lo em circulação. De acordo com nota do Banco Central, a impressão antecipada visa "construir estoques de segurança e mitigar eventuais consequências do fenômeno". Na avaliação do BC, as possíveis causas do "sumiço" do dinheiro são saques para formação de reservas por parte de pessoas ou empresas, a diminuição do volume de compras no comércio em geral e uma demora no retorno de valores pagos em espécie ao sistema bancário (inclusive no caso do benefício pago a informais e autônomos). Fontes ouvidas pelo jornal Folha de S.Paulo afirmaram que a escassez de cédulas travou o calendário do auxílio emergencial, que ainda não tem data para o pagamento da 2ª parcela. A preocupação é de que a falta de moeda em circulação inviabilizasse as operações bancárias no país.

    Tudo sobre:

    Comentários [ 0 ]

    O conteúdo do comentário é de responsabilidade do autor da mensagem. Consulte a nossa página de Dúvidas Frequentes e Política de Privacidade.