• 09/09/2020 19:59
Despedida de Toffoli

Bolsonaro: STF é “santuário” da Justiça; que Deus me ilumine ao indicar ministro

  • 09/09/2020 19:59
    • Estadão Conteúdo
    Bolsonaro: que Deus me ilumine ao indicar ministro
    Sessão de despedida do ministro Dias Toffoli como presidente do STF, com a presença do presidente da República Jair Bolsonaro| Foto: Nelson Jr/SCO/STF

    O presidente Jair Bolsonaro fez uma série de gestos de aproximação ao Supremo Tribunal Federal durante a sessão de despedida do ministro Dias Toffoli da presidência da Corte, no final da tarde desta quarta-feira (9). Após chegar de surpresa, Bolsonaro sentou ao lado de Toffoli e destacou a importância de ter ouvido conselhos sobre harmonia, diálogo e entendimento em momentos difíceis. Ele também afirmou que o sucessor de Toffoli, Luiz Fux, poderá contar com o apoio do governo federal. O presidente também relembrou que, em breve, será o responsável por escolher um novo ministro para compor o Supremo, começando com a aposentadoria de Celso de Mello. "Cheguei aqui pelo voto e os senhores chegaram pela indicação de um Presidente da República. Peço a Deus que me ilumine quando a oportunidade se fizer presente, pela idade, de indicar alguém que possa cooperar com esta casa, com as suas responsabilidades. Porque aqui, muitas vezes, não apenas no Executivo, está em jogo a felicidade de um povo e o destino de uma nação", disse Bolsonaro.

    Comentários [ 0 ]

    O conteúdo do comentário é de responsabilidade do autor da mensagem. Consulte a nossa página de Dúvidas Frequentes e Política de Privacidade.