• 08/09/2020 15:21
Rio de janeiro

Paes diz que operação contra ele é “tentativa de interferência no processo eleitoral”

  • 08/09/2020 15:21
    • Gazeta do Povo
    Eduardo Paes
    Eduardo Paes| Foto: Wilson Dias/Agência Brasil/Arquivo

    O ex-prefeito e candidato à prefeitura do Rio de Janeiro Eduardo Paes (DEM) classificou a operação contra ele desta terça-feira (7) como uma "tentativa clara de interferência do processo eleitoral". O Ministério Público do Rio (MP-RJ) deflagrou uma ação de busca e apreensão contra Paes no âmbito de um inquérito em que ele é investigado por corrupção, falsidade ideológica e lavagem de dinheiro ao supostamente ter recebido, da empreiteira Odebrecht, R$ 10,8 milhões para financiar  sua campanha de reeleição à prefeitura, em 2012, por meio de caixa 2. O mandado de busca e apreensão contra Paes foi expedido pelo juiz Flávio Itabaiana Nicolau, da 204.ª Zona Eleitoral.

    Tudo sobre:

    Comentários [ 0 ]

    O conteúdo do comentário é de responsabilidade do autor da mensagem. Consulte a nossa página de Dúvidas Frequentes e Política de Privacidade.