• 10/06/2020 12:17
Lava Jato

Justiça aceita denúncia contra ex-gerente do Banco do Brasil e doleiros por lavagem de R$ 9 mi

  • 10/06/2020 12:17
  • PorGazeta do Povo
    Prédio da Justiça Federal, em Curitiba.
    Prédio da Justiça Federal, em Curitiba.| Foto: Jonathan Campos/Gazeta do Povo

    A 13ª Vara da Justiça Federal, em Curitiba, acolheu a denúncia feita pelo Ministério Público Federal (MPF) contra o ex-gerente do Banco do Brasil, José Aparecido Augusto Eiras, e os doleiros Raul Henrique Srour e Carlos Arturo Mallorquin Junior. A força-tarefa da Lava Jato afirma que eles cometeram os crimes de organização criminosa, corrupção, lavagem de dinheiro e gestão fraudulenta de instituição financeira. Segundo os procuradores, Eiras utilizava seu cargo no Banco do Brasil para permitir a abertura e a movimentação de contas bancárias de empresas de fachada, controladas pelos dois doleiros. Com isso, as movimentações atípicas não eram identificadas pelo Conselho de Controle de Atividades Financeiras (Coaf). A força-tarefa afirma que, por meio do esquema, foram lavados mais de R$ 9 milhões de recursos ilícitos entre 2011 e 2014.

    Tudo sobre:

    Comentários [ 0 ]

    O conteúdo do comentário é de responsabilidade do autor da mensagem. Consulte a nossa página de Dúvidas Frequentes e Política de Privacidade.