• 22/01/2021 15:42
Vacina

“Quantidade de insumos produzidos não é dentro das necessidades”, diz Mourão

  • 22/01/2021 15:42
  • PorEstadão Conteúdo
    O vice-presidente, Hamilton Mourão
    O vice-presidente, Hamilton Mourão| Foto: Marcos Correa - Editor JN

    O vice-presidente Hamilton Mourão minimizou os atrasos e as falhas nas negociações internacionais feitas pelo governo brasileiro para a aquisição de vacinas contra a Covid-19 e disse que a corrida pela vacina "está causando problemas no mundo inteiro".

    "Essa corrida da vacina, é uma corrida que está, vamos dizer assim, causando problema no mundo inteiro porque a quantidade de gente é enorme a ser vacinada e a quantidade de insumos produzidos não é dentro das necessidades", afirmou Mourão na chegada à sede da Vice-Presidência.

    A declaração de Mourão ocorre após um período de incertezas sobre o envio de lote de vacinas vindas da Índia, previsto para chegar nesta sexta-feira (22), e à espera da liberação para importar insumos da China para dar continuidade à produção de vacinas no país.

    Mourão, no entanto, citou o caso dos Estados Unidos para reforçar que "todos os países enfrentam problemas" quanto ao processo de vacinação. "Eu vi que agora o presidente americano prometeu que em 100 dias ele vai vacinar 100 milhões de pessoas. Isso é um milhão de pessoas por dia, uma coisa difícil para um país que não tem um sistema de saúde capilarizado como é o nosso aqui no Brasil. Então, todos os países estão enfrentando problemas dessa natureza", disse.

    Tudo sobre:

    Comentários [ 0 ]

    O conteúdo do comentário é de responsabilidade do autor da mensagem. Consulte a nossa página de Dúvidas Frequentes e Política de Privacidade.