• 14/06/2020 21:02

Procuradoria manda abrir inquérito sobre ataque com fogos de artifício ao STF

  • 14/06/2020 21:02
  • PorEstadão Conteúdo
    Grupo pró-bolsonarista 300 do Brasil em frente ao STF (Supremo Tribunal Federal) no dia 30 de maio.
    Grupo pró-bolsonarista 300 do Brasil em frente ao STF (Supremo Tribunal Federal) no dia 30 de maio.| Foto: ESTADÃO CONTEÚDO

    O Ministério Público Federal determinou a abertura imediata de inquérito policial para investigar "ataque" ao prédio do Supremo Tribunal Federal na noite deste sábado (13). Cerca de 30 manifestantes bolsonaristas autodenominados "300 do Brasil" dispararam fogos de artifício na direção do edifício principal da Corte, na Praça dos Três Poderes, enquanto xingavam os ministros. Para a Procuradoria, os atos podem ser enquadrados na Lei de Segurança Nacional, nos crimes contra a honra, e também na Lei de Crimes Ambientais por abranger a sede do STF, situada em área tombada como Patrimônio Histórico Federal. Segundo a Procuradoria, também foi solicitada perícia no local "a fim de identificar danos ocorridos no edifício e resguardar provas processuais".

    Leia também: Para evitar manifestações, Esplanada dos Ministérios fica interditada neste domingo

    Tudo sobre:

    Comentários [ 0 ]

    O conteúdo do comentário é de responsabilidade do autor da mensagem. Consulte a nossa página de Dúvidas Frequentes e Política de Privacidade.