• 04/08/2020 15:31
Críticos do governo

STF dá 48 horas para Ministério da Justiça explicar relatório

  • 04/08/2020 15:31
  • PorEstadão Conteúdo
    Ministro da Justiça e Segurança Pública, André Mendonça, repudiou artigo publicado pela Folha de São Paulo.
    Ministro da Justiça e Segurança Pública, André Mendonça.| Foto: Marcello Casal Jr/Agência Brasil

    A ministra do Supremo Tribunal Federal (STF) Cármen Lúcia determinou nesta terça-feira (4) que o Ministério da Justiça preste informações em 48 horas sobre um relatório elaborado pela Secretaria de Operações Integradas (Seopi) contra 579 servidores federais e estaduais identificados como "antifascistas". "A gravidade do quadro descrito, que - a se comprovar verdadeiro - escancara comportamento incompatível com os mais basilares princípios democráticos do Estado de Direito e que põem em risco a rigorosa e intransponível observância dos preceitos fundamentais da Constituição da República", escreveu a ministra. A decisão de Cármen foi tomada no âmbito de uma ação movida pelo partido Rede Sustentabilidade. Mendonça anunciou na segunda demissão do diretor de Inteligência da Seopi, Gilson Libório.

    Tudo sobre:

    Comentários [ 0 ]

    O conteúdo do comentário é de responsabilidade do autor da mensagem. Consulte a nossa página de Dúvidas Frequentes e Política de Privacidade.