• 21/10/2020 14:00
Compra cancelada

“Vacinas têm que ter comprovação científica”, diz Bolsonaro sobre imunizante da China

  • 21/10/2020 14:00
  • PorEstadão Conteúdo
    jair-bolsonaro
    O presidente da República, Jair Bolsonaro| Foto: Sergio Lima/AFP

    O presidente Jair Bolsonaro afirmou nesta quarta-feira (21) que mandou "cancelar" o protocolo de intenções assinado na última terça (20) pelo Ministério da Saúde para a aquisição de 46 milhões de vacinas da farmacêutica chinesa Sinovac. Bolsonaro destacou que está "perfeitamente afinado com o Ministério da Saúde trabalhando na busca de uma vacina confiável".

    "Nada será despendido agora para compraremos uma vacina chinesa, que desconheço, mas parece que nenhum país do mundo está interessado nela. Pode ser que tenha algum país aí. Agora, as vacinas tem que ter comprovação científica, diferente da hidroxicloroquina", disse, em visita ao Centro Tecnológico da Marinha (CTMSP), em Iperó (SP). Bolsonaro disse ainda que qualquer vacina precisa ter validade do Ministério da Saúde e certificação por parte da Anvisa.

    Tudo sobre:

    Comentários [ 0 ]

    Máximo 700 caracteres [0]

    O conteúdo do comentário é de responsabilidade do autor da mensagem. Consulte a nossa página de Dúvidas Frequentes e Termos de Uso.