# Câmara dos Deputados aprovou projeto de lei permitindo que empresas comprem vacinas contra a Covid-19 para imunizar os próprios funcionários, sem a doação integral das doses ao SUS

***) Com 317 votos favoráveis e 120 contrários, a Câmara dos Deputados aprovou o projeto de lei que permite que a iniciativa privada compre vacinas contra a Covid-19 para imunizar seus próprios funcionários. O tema tem gerado muita polêmica e é alvo de críticas, não só no parlamento.

Críticos da proposta dizem que o projeto seria uma espécie de oficialização do “fura-fila” da vacina e que representaria um desrespeito ao PNI, o Plano Nacional de Imunizações.

Como fica a compra de vacinas por empresas

O fato é que esse projeto modifica a legislação aprovada pelo Congresso há cerca de um mês, que está em vigor atualmente. É aquela lei que obriga a doação integral ao Sistema Único de Saúde (SUS) de todas as doses das vacinas compradas por empresas privadas, até que a imunização dos grupos prioritários esteja concluída

Este episódio traz perguntas e respostas sobre a compra de vacinas pelo setor privado. O convidado é o Olavo Soares, que acompanhou a votação da proposta de lei, em Brasília.

*
O podcast 15 minutos é um espaço para discussão de assuntos importantes, sempre com análise e a participação da equipe de jornalistas da Gazeta do Povo. De segunda a sexta, de forma leve e dinâmica, com a duração que cabe na correria do seu dia. Apresentação é do jornalista Márcio Miranda. O programa é publicado no Spotify, Google Podcast, Deezer e no iTunes.

*
Ficha técnica: ‘15 minutos’, podcast de notícias da Gazeta do Povo #Apresentação e roteiro: Márcio Miranda; direção de conteúdo: Rodrigo Fernandes; equipe de produção: Maria Eduarda Scroccaro, Jenifer Ribeiro e Durval Ramos; montagem: Leonardo Bechtloff; identidade visual: Gabriela Salazar; estratégia de distribuição: Gladson Angeli e Marcus Ayres.

Deixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros
Máximo de 700 caracteres [0]