Como você se sentiu com essa matéria?

  • Carregando...

A Comissão Parlamentar Mista de Inquérito (CPMI) das Fake News aproveitou a crise no PSL para apertar o cerco ao presidente Jair Bolsonaro (PSL). Nesta semana, a comissão aprovou requerimentos de convocação do empresário dono da rede Havan, Luciano Hang, de funcionários do Palácio do Planalto e ex-aliados do presidente. Entre os convocados estão os integrantes do chamado “gabinete do ódio” do Palácio do Planalto, Tércio Arnaud Tomaz, José Matheus Sales Gomes e Mateus Matos Diniz; o ex-ministro da Secretaria de Governo Carlos Alberto dos Santos Cruz, a deputada Joice Hasselmann (PSL-SP), e o ex-líder do PSL na Câmara Delegado Waldir (GO).

Onde as investigações da comissão podem parar? Jornalistas da Gazeta do Povo comentam o assunto ao vivo. Os jornalistas também comentam a aprovação da Reforma da Previdência e o racha no PSL,que alçou Eduardo Bolsonaro como líder do partido.

Deixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros
Máximo de 700 caracteres [0]