Máximo 700 caracteres [0]

O conteúdo do comentário é de responsabilidade do autor da mensagem. Consulte a nossa página de Dúvidas Frequentes e Termos de Uso.

  • R

    Rolando Silva

    ± 0 minutos

    Resumindo, por não conseguir se sustentar por não conseguir ter quem queira ver as obras produzidas temos cotas obrigatórias (o que prejudica as empresas e os trabalhadores dos cinemas), uso do dinheiro público (abater dos impostos da empresa um dinheiro que ela pagaria em impostos é usar dinheiro público, só que captado antes de ir para o estado) e além de tudo alguém acha que essa maquina toda não é direciona ideologicamente e que é coincidência os produtores e as obras seguirem uma mesma linha ideológica?

    Denunciar abuso

    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

    Qual é o problema nesse comentário?

    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

    Confira os Termos de Uso

    • Máximo 700 caracteres [0]

  • V

    Victor

    ± 3 dias

    Vejam o Brasil Paralelo como exemplo e assunto encerrado, dinheiro público é para emergências da sociedade

    Denunciar abuso

    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

    Qual é o problema nesse comentário?

    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

    Confira os Termos de Uso

    • Máximo 700 caracteres [0]

  • A

    A.Man

    ± 3 dias

    Eu frequento aqui em São Paulo alguns centros culturais que promovem Mostra de Cinema gratuita para o público e um deles, bastante simbólico desta situação, é a Oficina Cultural Oswald de Andrade, no Bom Retiro. Tem um espaço fantástico, muita gente interessada em desenvolver as atividades culturais, mas quase tudo com verba mínima, funcionando na base da "boa vontade " de quem ainda sobrou para seguir com os projetos. As mostras de cinema, embora gratuitas, não recebem a menor divulgação para nada...NÃO HÁ nenhuma campanha efetiva para que a população se eduque a consumir cultura de uma maneira geral....Fico imaginando QUAL a situação pelo resto do país...LAMENTÁVEL, para dizer o mínimo.

    Denunciar abuso

    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

    Qual é o problema nesse comentário?

    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

    Confira os Termos de Uso

    • Máximo 700 caracteres [0]

  • A

    A.Man

    ± 3 dias

    O Senado que aprova a diretoria........os projetos são analisados...quem é q acredita que nada disso tem carta marcada??? SE há uma necessidade de fomentar projetos culturais, os recursos deveriam ir para projetos e lugares que NECESSITAM da verba (há milhares de centros e oficinas culturais caindo aos pedaços pelo Brasil, que sobrevivem da boa vontade dos envolvidos!), peças de teatro para dolescentes carentes, trabalhos sérios de pesquisa cultural, atividades para crianças e idosos, pessoas deficientes, enfim....uma infinidade de espaços e trabalhos aguardando migalhas....E a panelinha da Cultura num círculo vicioso de "fomento" ao Cinema Nacional para os coleguinhas de sempre!!

    Denunciar abuso

    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

    Qual é o problema nesse comentário?

    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

    Confira os Termos de Uso

    • Máximo 700 caracteres [0]

  • N

    Nelson Correa

    ± 3 dias

    O dinheiro des***** do imposto de renda para a produção cultural tem prestação de contas? Precisa ser devolvido? Se devolvido tem juros? Se não precisa ser devolvido permite cobrança de ingressos? Podemos traçar um paralelo de um financiamento a fundo perdido na área cultural e os juros pagos por um professor para adquirir um com****dor financiado no cartão de crédito? Com uma indústria de movimentação bilionária ainda é necessário fazer milhões de transferência em renúncia fiscal? É justo bancar quem pode andar sozinho? Acho que faltou olhar por esse outro prisma na matéria.

    Denunciar abuso

    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

    Qual é o problema nesse comentário?

    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

    Confira os Termos de Uso

    • Máximo 700 caracteres [0]

  • M

    Marcio Andrade

    ± 4 dias

    Parabéns a Gazeta por publicar esta matéria. Porém acho que falta mais opiniões de profissionais independentes. Todo país foi quebrado pela antiga gestão, todas as áreas foram afetadas. A escolha do polêmico filme da Débora, que com sua produtora, foi condenada a devolver recursos, era um problema recorrente em vários filmes. Antes de usar um filme com práticas corruptas ou reclamar pedindo ao governo , tem que ter ética no setor, pois o modelo tem de ser sustentável entre público e privado. A lembrar a farra dos restaurantes com nota frias pra Rouanet. E sim, antes, havia uma panelinha, lista negra de opositores e escolha cruel de temática. Só os "amigos do Rei ou Rainha".

    Denunciar abuso

    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

    Qual é o problema nesse comentário?

    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

    Confira os Termos de Uso

    • Máximo 700 caracteres [0]

  • M

    Marcio Andrade

    ± 4 dias

    Parabéns a Gazeta por publicar esta matéria. Porém acho que falta mais opiniões de profissionais independentes. Todo país foi quebrado pela antiga gestão, todas as áreas foram afetadas. A escolha do polêmico filme da Débora, que com sua produtora, foi condenada a devolver recursos, era um problema recorrente em vários filmes. Antes de usar um filme com práticas corruptas ou reclamar pedindo ao governo , tem que ter ética no setor, pois o modelo tem de ser sustentável entre público e privado. A lembrar a farra dos restaurantes com nota frias pra Rouanet. E sim, antes, havia uma panelinha, lista negra de opositores e escolha cruel de temática. Só os "amigos do Rei ou Rainha".

    Denunciar abuso

    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

    Qual é o problema nesse comentário?

    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

    Confira os Termos de Uso

    • Máximo 700 caracteres [0]

  • E

    Eduardo Prestes

    ± 4 dias

    Os produtores e artistas estão sendo profundamente insensíveis com o momento do país, em grave crise fiscal. O dinheiro para os filmes compete sim com os recursos de hospitais, programas sociais, segurança, infra-estrutura, etc. O caixa do governo é um só e os contribuintes são os mesmos. O dinheiro que sai de um filme e vai para saúde também cria empregos e renda, além de um benefício mais concreto à população. A cultura precisa aprender a se financiar no mercado e com a bilheteria. Hoje em dia, os filmes se pagam com dinheiro público e não precisam se preocupar com público. Está errado, definitivamente. Estado mínimo é o caminho

    Denunciar abuso

    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

    Qual é o problema nesse comentário?

    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

    Confira os Termos de Uso

    1 Respostas
    • M

      Marcio Andrade

      ± 4 dias

      Concordo em partes com você , o momento é de corte , na verdade era pro país ter ido a baixo , e por pouco não o foi. A cultura tem se ser forte e as verbas divididas . A cultura geral mais postos de trabalho com investimento do que outras áreas. O problema é roubo e grandes artistas com cachês milionários enquanto o pequeno não tem acesso as verbas. O Brasil tem péssimos empresários sem cultura de apoio. Mas o setor o cinema tem de aprender a ser rentável e sustentável e ter políticas de apoio junto com empresas mas sem tanta isenção de impostos e mais investimentos privados. Mas agora o Estado tem de desinchar .

      Denunciar abuso

      A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

      Qual é o problema nesse comentário?

      Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

      Confira os Termos de Uso

    • Máximo 700 caracteres [0]

  • F

    Frederico Guizini dos Santos

    ± 4 dias

    Dinheiro público não tem que financiar cinema ***** nenhuma!

    Denunciar abuso

    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

    Qual é o problema nesse comentário?

    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

    Confira os Termos de Uso

    • Máximo 700 caracteres [0]

  • M

    Mario Nascimento

    ± 4 dias

    Temos carências muito mais cruciais para investimentos do governo federal do que em cinema, que acaba beneficiando os apadrinhados políticos.

    Denunciar abuso

    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

    Qual é o problema nesse comentário?

    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

    Confira os Termos de Uso

    1 Respostas
    • M

      Marcio Andrade

      ± 4 dias

      Sim esse foi o modelo anterior e a forma velada de Comprar a militância da antiga e corrupta gestão. Todas as áreas são importantes , porém todas as áreas , em 16 negros anos , foram corrompidas e pessimamente geridas!

      Denunciar abuso

      A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

      Qual é o problema nesse comentário?

      Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

      Confira os Termos de Uso

    • Máximo 700 caracteres [0]

  • P

    Paulo Murta

    ± 4 dias

    Nenhum financiamento governamental é necessário se o filme é bom e terá bilheteria. Financiamento governamental só é necessário quando o projeto não é viável e quer defender algum tipo de projeto pessoal ou ideológico. Ou vocês acham que empresários e investidores não gostam de ganhar dinheiro?

    Denunciar abuso

    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

    Qual é o problema nesse comentário?

    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

    Confira os Termos de Uso

    5 Respostas
    • ± 3 dias

      Marcio Andrade: você tem certeza que temos a pior saúde do mundo? tem mesmo?

      Denunciar abuso

      A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

      Qual é o problema nesse comentário?

      Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

      Confira os Termos de Uso

    • M

      Marcio Andrade

      ± 4 dias

      Eduardo Prestes: vou discordar de voce, todas as áreas precisam de recursos e incentivos. A indústria cultural de Hollywood tem um PIB gigante e a de Games então já passou o cinema .Com a devida moderação tudo pode acontecer.O momento impõem ao Governo um corte geral!Muito se gastou em saúde e sabe-se que temos a pior do mundo. Infraestrutura corrompida,não tem estrada,não tem trem nem esgoto. Então o problema é Corrupção generalizada.Atualmente a indústria criativa é que puxa a economia, apesar de construção ser necessária e gerar empregos, mas empregos de baixa formaçao. Não dá pra jogar o bebê com a água do Banho. 1 milhão na cultura geral 100 postos de trabalho e outro setor apenas 30.

      Denunciar abuso

      A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

      Qual é o problema nesse comentário?

      Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

      Confira os Termos de Uso

    • E

      Eduardo Prestes

      ± 4 dias

      Andreia Boatchuck: A argumentação respeitosa sempre deve ter lugar na sociedade. Há sim áreas na cultura onde o financiamento público traz benefícios incontestáveis, como museus, patrimônio histórico, pesquisas, etc. Mas para os pagadores de impostos, como eu, o financiamento de filmes não faz muito sentido, em especial quando vinculado à militância esquerdista, a qual abomino. O problema não são os filmes, mas o uso de verbas públicas, que poderiam ser usadas em outras áreas. Isso é o que contestamos,

      Denunciar abuso

      A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

      Qual é o problema nesse comentário?

      Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

      Confira os Termos de Uso

    • F

      Frederico Guizini dos Santos

      ± 4 dias

      Não deve ter fundo com o dinheiro público e ponto final!

      Denunciar abuso

      A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

      Qual é o problema nesse comentário?

      Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

      Confira os Termos de Uso

    • A

      Andreia Boatchuck

      ± 4 dias

      A matéria é informativa sobre o setor que não depende só de empresas privadas. O Fundo do Audiovisual é um fundo de investimento junto a um banco. Dinheiro gerado pelo próprio setor e é um fundo retornável, ou seja, os produtores precisam devolver o investimento... isso como qualquer outro setor industrial do país.  Nossa empresa tem 18 anos, produziu 48 obras e nunca se utilizou dessa filosofia que você generaliza ao audiovisual brasileiro. Desculpa, mas precisamos ser mais cuidadosos ao expressamos opiniões sobre o que o não dominamos.  Respeito opiniões, mas estamos em um momento político que muitas informações chegam erradas até nós.  Assim como você, luto pelo melhor nesse país!

      Denunciar abuso

      A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

      Qual é o problema nesse comentário?

      Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

      Confira os Termos de Uso

    • Máximo 700 caracteres [0]

Fim dos comentários.