i

O Sua Leitura indica o quanto você está informado sobre um determinado assunto de acordo com a profundidade e contextualização dos conteúdos que você lê. Nosso time de editores credita 20, 40, 60, 80 ou 100 pontos a cada conteúdo – aqueles que mais ajudam na compreensão do momento do país recebem mais pontos. Ao longo do tempo, essa pontuação vai sendo reduzida, já que conteúdos mais novos tendem a ser também mais relevantes na compreensão do noticiário. Assim, a sua pontuação nesse sistema é dinâmica: aumenta quando você lê e diminui quando você deixa de se informar. Neste momento a pontuação está sendo feita somente em conteúdos relacionados ao governo federal.

Fechar
A matéria que você está lendo agora+0
Informação faz parte do exercício da cidadania. Aqui você vê quanto está bem informado sobre o que acontece no governo federal.
Que tal saber mais sobre esse assunto?
Previdência

INSS lança plano para zerar fila de espera; funcionário terá meta de produtividade

    • Estadão Conteúdo
    • 07/08/2019 08:26
    INSS lança plano para zerar fila de espera; funcionário terá meta de produtividade
    | Foto: Albari Rosa/Gazeta do Povo

    O INSS deve apresentar até o fim desta semana um plano detalhado de ações para tentar zerar, até o fim do ano, a fila de espera por benefícios.

    Hoje, um total de 1,3 milhão de pedidos – de aposentadoria, pensão por morte e auxílios – aguarda reposta do órgão. Esse é o número de solicitações que não tiveram a análise concluída no prazo regular de 45 dias. Em abril, a Gazeta do Povo revelou que mais de 40% dos benefícios tinham análise atrasada por pendências do INSS.

    A chamada Estratégia Nacional de Atendimento Tempestivo inclui a fixação de metas de atendimento, controle de produtividade, possibilidade de os servidores do INSS trabalharem de forma remota (o chamado teletrabalho), além do bônus para análises extras que os funcionários do órgão fizerem acima da meta.

    Segundo o presidente do INSS, Renato Vieira, o ponto eletrônico dos servidores será substituído pelo controle de produtividade. “Antes, o recado era ‘fique na repartição por oito horas’. Agora ele terá de atingir uma meta”, afirmou.

    Quais serão as metas dos funcionários do INSS

    Os servidores do INSS precisarão completar 90 pontos por mês, o que equivale à análise de cerca de cem processos nesse período. Segundo Vieira, apenas 3,5% dos servidores do órgão entregam esse volume de trabalho atualmente.

    Quando o servidor ultrapassar a meta, ele terá direito a um bônus a cada novo processo concluído. O valor é de R$ 57,50 por análise finalizada. “Será um duplo incentivo: atingir a meta e passar da meta”, afirmou.

    Para os servidores que quiserem aderir ao teletrabalho, as metas serão maiores para fazer jus ao benefício. Eles terão uma cobrança 30% maior: terão de chegar a 117 pontos, o que significa concluir a análise de cerca de 130 processos no mês.

    A portaria que vai operacionalizar a estratégia deve ser publicada até sexta-feira (9), disse Vieira. O objetivo é que ela seja totalmente implementada até o fim de agosto. “A expectativa é aumentar eficiência e velocidade da concessão de benefício, zerando o estoque.”

    Quando o INSS estoura o prazo de 45 dias para dar uma resposta sobre a solicitação, além de o cidadão ficar mais tempo sem receber o benefício, há um custo para a União. Isso porque, em caso de deferimento do pedido, o governo precisa pagar o retroativo – desde o momento do requerimento – com correção monetária.

    O INSS recebe atualmente cerca de 1 milhão de pedidos ao mês. Segundo Vieira, o órgão já consegue concluir mensalmente análises em um número até um pouco maior que isso - mas ainda em ritmo insuficiente para dar conta do estoque constituído no passado.

    Em medida provisória assinada na última terça-feira (6), pelo presidente Jair Bolsonaro, o governo estendeu o número de processos atrasados que podem ser analisados mediante o pagamento do bônus. Antes, o bônus poderia ser pago para avaliação de pedidos cujo prazo regular de análise, de 45 dias, havia expirado até 18 de janeiro de 2019.

    Agora, com a mudança, o escopo vai até benefícios cujo prazo regular de análise expirou até 15 de junho de 2019. Segundo o governo, porém, não há impacto adicional nas contas porque alguns processos do estoque anterior foram analisados sem pagamento do bônus.

    6 COMENTÁRIOSDeixe sua opinião
    Use este espaço apenas para a comunicação de erros
    Máximo de 700 caracteres [0]

    Receba Nossas Notícias

    Receba nossas newsletters

    Ao se cadastrar em nossas newsletters, você concorda com os nossos Termos de Uso.

    Receba nossas notícias no celular

    WhatsApp: As regras de privacidade dos grupos são definidas pelo WhatsApp. Ao entrar, seu número pode ser visto por outros integrantes do grupo.

    Comentários [ 6 ]

    Máximo 700 caracteres [0]

    O conteúdo do comentário é de responsabilidade do autor da mensagem. Consulte a nossa página de Dúvidas Frequentes e Termos de Uso.

    • J

      João Almeida de jesus

      ± 2 dias

      Boa. Tem que estipular metas em todos os órgãos públicos. Trabalho em empresa privada com metas mensais com bônus para quem cumprir a meta com controle na quantidade e qualidade, além de acompanhamento dos funcionários que não cumprem a meta estabelecida e demissão para os improdutivos por um período superior a 6 meses consecutivos.

      Denunciar abuso

      A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

      Qual é o problema nesse comentário?

      Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

      Confira os Termos de Uso

      • Máximo 700 caracteres [0]

    • M

      Marcelo

      ± 2 dias

      Boa ! Colocar essa turma para trabalhar e dexar de tomar café, pos o atendimento ao público é péssimo.

      Denunciar abuso

      A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

      Qual é o problema nesse comentário?

      Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

      Confira os Termos de Uso

      • Máximo 700 caracteres [0]

    • I

      Ivan Rocha

      ± 2 dias

      Vão analisar nas cochas e negar a maioria dos benefícios só pra receber o bônus. Essa morcegada devia não receber nada. Já recebem salário pra isso, não trabalhou vá rua.

      Denunciar abuso

      A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

      Qual é o problema nesse comentário?

      Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

      Confira os Termos de Uso

      • Máximo 700 caracteres [0]

    • L

      Leandro

      ± 2 dias

      57,50 processo a mais, vamos dizer que realize uma estimativa e se esforce para fazer 2 análises básicas por dia (pensão por morte por exemplo) a mais, ele teria R$ 115,00, considerando que ele faça isso por 22 dias, nosso nobre servidor teria: R$ 2.530,00. Isso, ele fazendo um "esforço" de 2 a mais ao dia. E depois, querem cortar reajuste de professor, que tem que aturar 40 aluno quase 290 dias ao ano....

      Denunciar abuso

      A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

      Qual é o problema nesse comentário?

      Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

      Confira os Termos de Uso

      • Máximo 700 caracteres [0]

    • R

      RMSL

      ± 2 dias

      Este pessoal tem que ter metas e não receber um centavo a mais por conseguir cumprir. Já tem o salário e tem que ter Avaliação Funcional que mexa no bolso de quem não quer trabalhar, ou até possa ser demitido por insuficiência no trabalho.

      Denunciar abuso

      A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

      Qual é o problema nesse comentário?

      Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

      Confira os Termos de Uso

      • Máximo 700 caracteres [0]

    • M

      Meg Litton

      ± 2 dias

      Surpresa por alguém achar que "colocar metas" vai adiantar alguma coisa: antes de se falar em reforma, demorava do mesmo jeito... Qual era o motivo???

      Denunciar abuso

      A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

      Qual é o problema nesse comentário?

      Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

      Confira os Termos de Uso

      • Máximo 700 caracteres [0]

    Fim dos comentários.