Blog / 

Rodrigo Constantino

Um blog de um liberal sem medo de polêmica ou da patrulha da esquerda “politicamente correta”.

Vídeos

Manto ideológico não serve mais para proteger terrorista – Jovem Pan

Comentário no Jornal da Manhã de hoje:

Bom dia. Meu primeiro comentário aqui na Jovem Pan foi sobre esse fujão terrorista. Alguns mais otimistas têm falado em “nova era” com a chegada de Bolsonaro ao poder. Não vou tão longe, mas certamente ela representa uma guinada saudável para endireitar muita coisa sinistra de antes. E Battisti se tornou um símbolo do que estava errado: os marginais “companheiros” eram blindados contra a lei porque cometeram seus crimes em nome da ideologia socialista. Agora são novos tempos no sentido de que a lei tem que valer para todos, e o manto ideológico não serve mais para proteger terrorista e assassino.
Parte da mídia insiste em chamar Battisti de “ex-ativista” ou “ex-militante”. São os jornalistas que não entenderam as mudanças, ou resistem a elas inutilmente e ao custo da acelerada perda de credibilidade dos veículos de comunicação em que trabalham. Battisti é um bandido responsável por ao menos quatro mortes. Ter feito isso em nome do comunismo não é atenuante; talvez seja o contrário: um agravante!
Alexandre Garcia, um jornalista sério entre tantos militantes disfarçados, resumiu bem: ”Matou quatro e deixou paraplégico um menino, em nome do Proletários Armados pelo Comunismo. Protegido pelo governo Lula, era festejado e chamado de “ativista” no Brasil, onde ingressou com passaporte falso. Agora o italiano Cesare Battisti foi preso na Bolívia. Novos tempos.”
Guilherme Fiuza, outro jornalista sério, comentou: “O spa de Battisti foi extinto com um peteleco na malandragem petista do STF. Tem muito tabu no Brasil pronto pra cair com a força de um peteleco.”
O presidente Bolsonaro comemorou: “Parabéns aos responsáveis pela captura do terrorista Cesare Battisti! Finalmente a justiça será feita ao assassino italiano e companheiro de ideais de um dos governos mais corruptos que já existiram no mundo (PT).” Pode não ser uma “nova era”, mas sem dúvida vivemos novos e melhores tempos, com maior clareza moral.
Rodrigo Constantino

8 recomendações para você

Sobre / 

Rodrigo Constantino

Economista pela PUC com MBA de Finanças pelo IBMEC, trabalhou por vários anos no mercado financeiro. É autor de vários livros, entre eles o best-seller “Esquerda Caviar” e a coletânea “Contra a maré vermelha”. Contribuiu para veículos como Veja.com, jornal O Globo e Gazeta do Povo. Preside o Conselho Deliberativo do Instituto Liberal.

Saiba Mais

Arquivos